Pós furto, Prefeito é chamado para acompanhar a suspeita em Três Corações - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

Até o Prefeito de Cambuquira foi chamado por amigos para acompanhar os envolvidos até a delegacia de Polícia 

09/04/2015 09:52 
Local da festa - Foto/Facebook: Espaço Boralá


No último final de semana, na noite de sábado (04), em um local de eventos no bairro Jardim Tropical (Morada do Sol) em Três Corações, houve um ocorrência de furto de uma bolsa feminina durante a festa que ocorria na noite de Sábado de Aleluia. 
Segundo informações da Polícia Militar, já no local, a vítima Jaqueline, relatou aos militares que deixou sua bolsa amarrada em uma coluna dentro do bar do local, momento em que ela, deu falta e começaram a procurar, juntamente com sua amiga Jaciara. Minutos depois ela avistou a sua bolsa no ombro de uma mulher chamada Anne, logo ela perguntou para a mulher sobre o pertence, pois as característica seria da mesma bolsa da Jaqueline e a Anne disse que não era. Ainda segundo informações da Polícia, a Jaqueline pediu para a Anne se ela poderia abrir a bolsa para verificação e ela negou. Já exaltadas, na discussão, a Anne alega que achou a bolsa no banheiro feminino do local do evento e a colocou no ombro, nisso a suspeita, segurou firme a bolsa e a Jaqueline, novamente pediu a ela se poderia abrir a bolsa e se caso não fosse dela ela pediria desculpas em público, quando o seu namorado entrou na discussão e nervoso alegando ser advogado, disse que ela não tinha direito de fazer isso. A Anne disse, que não queria brigar e só iria abrir a bolsa na frente da Polícia. Já fora do evento, a Jaqueline acionou a Polícia Militar e quando voltou a Anne tinha sumido, na procura, ela foi encontrada no banheiro.
A Polícia Militar registrou a ocorrência e prendeu em flagrante a suspeita, depois que a vítima comprovou que era realmente a sua bolsa, pois seus pertences, com carteira e documentos estavam dentro dela. 

A suspeita depois de ser ouvida pelo Delegado de Plantão foi liberada e o caso encerrado no local.

Em contato com a suspeita, ela não quis se pronunciar e disse que já falou tudo em depoimento com o Delegado a verdade e que não furtou nada.

Um áudio ''viralizou no WhatsApp'', onde a vítima relata como foi a ocorrência ouça:

Áudio 1




Um vídeo que também viralizou no WhatsApp, onde os envolvidos foram filmados e ao lado, o Prefeito de Cambuquira, Sr. Evanderson Xavier (PT), aparece na delegacia juntamente com a Polícia Militar. Com este fato ocorrido, a População de Cambuquira, que assistiu o vídeo, ficou preocupado, pois houve comentários que o Sr. Prefeito, teria chamado na delegacia para pagar a fiança da Anne que é de Cambuquira.

Vídeo:



O Alô Alô Cidade entrou em contato com Sr. Prefeito para esclarecimento, logo ele retornou a ligação e respondeu sobre o fato ocorrido e enviou uma nota ao jornal dizendo que apenas o acompanhar o grupo e a suspeita na delegacia de Polícia Civil. Ainda segundo o Prefeito, ele não pagou nenhuma fiança nem encontrou com o delegado; que a População pode ficar tranquila e que foi apenas boatos.

Nota:

-''No sábado, 04 de abril, aproximadamente 23hs, recebi uma ligação do Senhor André, que muito desesperado pedia ajuda, pois se encontrava em dificuldade no evento do Borala/tc.

Havia 15 pessoas de Cambuquira no evento, e entre elas, uma sendo acusada de furto de uma bolsa. Ao conversar por telefone com outros Cambuquirenses presentes no evento e também com o dono do estabelecimento Boralá, fui para três Corações afim de entender o acontecido.

Apenas acompanhei os tramites com a Policia Militar, sem nenhuma conversa com delegado do caso, que logo liberou a acusada e as pessoas de acusação, depois de colher os depoimentos. Caberemos a verdade no Final do Processo.'' 
Obrigado.
Evanderson Xavier (KAKA).  

Ouça a entrevista com o Sr. Prefeito Evanderson 

Áudio 2




Da redação: ALÔ ALÔ CIDADE

Pós furto, Prefeito é chamado para acompanhar a suspeita em Três Corações

Até o Prefeito de Cambuquira foi chamado por amigos para acompanhar os envolvidos até a delegacia de Polícia 

09/04/2015 09:52 
Local da festa - Foto/Facebook: Espaço Boralá


No último final de semana, na noite de sábado (04), em um local de eventos no bairro Jardim Tropical (Morada do Sol) em Três Corações, houve um ocorrência de furto de uma bolsa feminina durante a festa que ocorria na noite de Sábado de Aleluia. 
Segundo informações da Polícia Militar, já no local, a vítima Jaqueline, relatou aos militares que deixou sua bolsa amarrada em uma coluna dentro do bar do local, momento em que ela, deu falta e começaram a procurar, juntamente com sua amiga Jaciara. Minutos depois ela avistou a sua bolsa no ombro de uma mulher chamada Anne, logo ela perguntou para a mulher sobre o pertence, pois as característica seria da mesma bolsa da Jaqueline e a Anne disse que não era. Ainda segundo informações da Polícia, a Jaqueline pediu para a Anne se ela poderia abrir a bolsa para verificação e ela negou. Já exaltadas, na discussão, a Anne alega que achou a bolsa no banheiro feminino do local do evento e a colocou no ombro, nisso a suspeita, segurou firme a bolsa e a Jaqueline, novamente pediu a ela se poderia abrir a bolsa e se caso não fosse dela ela pediria desculpas em público, quando o seu namorado entrou na discussão e nervoso alegando ser advogado, disse que ela não tinha direito de fazer isso. A Anne disse, que não queria brigar e só iria abrir a bolsa na frente da Polícia. Já fora do evento, a Jaqueline acionou a Polícia Militar e quando voltou a Anne tinha sumido, na procura, ela foi encontrada no banheiro.
A Polícia Militar registrou a ocorrência e prendeu em flagrante a suspeita, depois que a vítima comprovou que era realmente a sua bolsa, pois seus pertences, com carteira e documentos estavam dentro dela. 

A suspeita depois de ser ouvida pelo Delegado de Plantão foi liberada e o caso encerrado no local.

Em contato com a suspeita, ela não quis se pronunciar e disse que já falou tudo em depoimento com o Delegado a verdade e que não furtou nada.

Um áudio ''viralizou no WhatsApp'', onde a vítima relata como foi a ocorrência ouça:

Áudio 1




Um vídeo que também viralizou no WhatsApp, onde os envolvidos foram filmados e ao lado, o Prefeito de Cambuquira, Sr. Evanderson Xavier (PT), aparece na delegacia juntamente com a Polícia Militar. Com este fato ocorrido, a População de Cambuquira, que assistiu o vídeo, ficou preocupado, pois houve comentários que o Sr. Prefeito, teria chamado na delegacia para pagar a fiança da Anne que é de Cambuquira.

Vídeo:



O Alô Alô Cidade entrou em contato com Sr. Prefeito para esclarecimento, logo ele retornou a ligação e respondeu sobre o fato ocorrido e enviou uma nota ao jornal dizendo que apenas o acompanhar o grupo e a suspeita na delegacia de Polícia Civil. Ainda segundo o Prefeito, ele não pagou nenhuma fiança nem encontrou com o delegado; que a População pode ficar tranquila e que foi apenas boatos.

Nota:

-''No sábado, 04 de abril, aproximadamente 23hs, recebi uma ligação do Senhor André, que muito desesperado pedia ajuda, pois se encontrava em dificuldade no evento do Borala/tc.

Havia 15 pessoas de Cambuquira no evento, e entre elas, uma sendo acusada de furto de uma bolsa. Ao conversar por telefone com outros Cambuquirenses presentes no evento e também com o dono do estabelecimento Boralá, fui para três Corações afim de entender o acontecido.

Apenas acompanhei os tramites com a Policia Militar, sem nenhuma conversa com delegado do caso, que logo liberou a acusada e as pessoas de acusação, depois de colher os depoimentos. Caberemos a verdade no Final do Processo.'' 
Obrigado.
Evanderson Xavier (KAKA).  

Ouça a entrevista com o Sr. Prefeito Evanderson 

Áudio 2




Da redação: ALÔ ALÔ CIDADE

Nenhum comentário:

Postar um comentário