Fieis fazem romaria até Nhá Chica em Baependi, MG - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

Mais de mil pessoas peregrinaram até igreja de Nhá Chica, em Baependi.
Muitos fieis madrugaram para vencerem a pé percurso de 70 quilômetros.

03/05/2015 00:09
Fieis fazem romaria até Nhá Chica em Baependi, MG - Foto/reprodução: EPTV

"A razão de tudo isso é a fé", garante o autônomo Leandro Nicolau Luz que trocou a folga do feriado do Dia do Trabalho, nesta sexta-feira (1º), pela romaria à Igreja de Nossa Senhora da Conceição de Nhá Chica, em Baependi MG. Mais de 1 mil pessoas participaram da peregrinação que começou ainda durante a madrugada em Campanha MG.

Leandro Nicolau Luz que trocou a folga do feriado do Dia do Trabalho, nesta sexta-feira (1º), pela romaria

Na estrada tomada pela neblina, os peregrinos venciam, pouco a pouco, os 70 quilômetros que separam as duas cidades Sul Mineiras. Em rápidas paradas, recobravam a energia e seguiam na esperança de chegarem a tempo das celebrações programadas para o dia.

Fé e agradecimento
Para José Siqueira, o sacrifício é importante. "Minha mulher está com mioma. Ela vai fazer uma cirurgia e tenho certeza que vai dar que não é nada. Eu tenho fé e vou vir agradecer", conta o devoto logo que se vê diante dos pés da beata.
Assim como José Siqueira, os devotos de Nhá Chica procuram um lugar especial ao redor do altar, onde está a réplica de sua imagem, para agradecer, fazer pedidos, renovar a fé. "Eu já recebi muitas graças de Nhá Chica e quero receber novamente", disse o aposentado José Raimundo.
Mais de 1 mil devotos trocaram feriado do Dia do Trabalho por romaria a Baependi, MG - (Foto: Reprodução/ EPTV)

Vídeo (EPTV)



Leia na íntegra G1

Fieis fazem romaria até Nhá Chica em Baependi, MG

Mais de mil pessoas peregrinaram até igreja de Nhá Chica, em Baependi.
Muitos fieis madrugaram para vencerem a pé percurso de 70 quilômetros.

03/05/2015 00:09
Fieis fazem romaria até Nhá Chica em Baependi, MG - Foto/reprodução: EPTV

"A razão de tudo isso é a fé", garante o autônomo Leandro Nicolau Luz que trocou a folga do feriado do Dia do Trabalho, nesta sexta-feira (1º), pela romaria à Igreja de Nossa Senhora da Conceição de Nhá Chica, em Baependi MG. Mais de 1 mil pessoas participaram da peregrinação que começou ainda durante a madrugada em Campanha MG.

Leandro Nicolau Luz que trocou a folga do feriado do Dia do Trabalho, nesta sexta-feira (1º), pela romaria

Na estrada tomada pela neblina, os peregrinos venciam, pouco a pouco, os 70 quilômetros que separam as duas cidades Sul Mineiras. Em rápidas paradas, recobravam a energia e seguiam na esperança de chegarem a tempo das celebrações programadas para o dia.

Fé e agradecimento
Para José Siqueira, o sacrifício é importante. "Minha mulher está com mioma. Ela vai fazer uma cirurgia e tenho certeza que vai dar que não é nada. Eu tenho fé e vou vir agradecer", conta o devoto logo que se vê diante dos pés da beata.
Assim como José Siqueira, os devotos de Nhá Chica procuram um lugar especial ao redor do altar, onde está a réplica de sua imagem, para agradecer, fazer pedidos, renovar a fé. "Eu já recebi muitas graças de Nhá Chica e quero receber novamente", disse o aposentado José Raimundo.
Mais de 1 mil devotos trocaram feriado do Dia do Trabalho por romaria a Baependi, MG - (Foto: Reprodução/ EPTV)

Vídeo (EPTV)



Leia na íntegra G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário