Polícia prende mais 2 por suposta participação em explosão de caixas - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

Crime aconteceu na madrugada de terça-feira (2) em Alfenas.
Outras quatro pessoas detidas foram encaminhada para a Polícia Federal.

04/06/2015 00:25
  Mais duas pessoas suspeitas de participação na explosão de uma caixa eletrônico na terça-feira (2) em Alfenas MG foram presas pela polícia. Os suspeitos estavam em um carro onde foi encontrado um material que possivelmente foi roubado de um médico no fim de semana. O carro do médico foi usado pelos criminosos durante o assalto.
As outras quatro presas foram ouvidas pela Polícia Federal em Varginha MG. Por questão de segurança, a PF não divulgou para qual presídio eles foram levados.

Quatro pessoas já tinham sido detidas por suposta participação na explosão dos equipamentos (Foto: Minas Acontece)

O assalto
Três suspeitos foram presos na manhã de terça-feira (2) após explodirem quatro caixas eletrônicos de uma agência da Caixa Econômica Federal em Alfenas MG. Segundo a Polícia Militar, os detidos fazem parte de um grupo com pelo menos sete pessoas que invadiu o banco por volta das 4h30. Junto com  o trio, a PM apreendeu duas pistolas, um fuzil, um revólver, dois carros, rádios comunicadores, coletes à prova de bala e bolsas com cerca de R$ 18 mil em dinheiro.
Ainda conforme a polícia, o assalto aconteceu na Avenida Jovino Fernandes Salles, no Bairro Jardim Alvorada. Na fuga, houve troca de tiros com um policial militar ambiental que passava pelo local. Nesse tiroteio, duas pessoas que também passavam pela região foram atingidas. e os suspeitos conseguiram escapar pela BR-491.
O trio detido foi localizado durante as buscas pela rodovia. Os suspeitos estavam escondidos em um matagal. Eles admitiram participação no crime e levaram os policiais até a pousada onde se hospedaram. Na pousada, foram encontrados dinheiro e armamento que teriam relação com o ataque desta terça.
Dois suspeitos presos, de 25 e 28 anos, são de São Paulo. Um outro, de 35 anos, mora em Alfenas (MG), mas é natural de Campos Gerais MG. A polícia localizou a casa dele e também prendeu a companheira dele, de 19 anos. Na casa, foram apreendidos motores de barcos e material de pesca furtados. Um carro branco que foi usado no crime pertence a um médico da cidade, que foi roubado na noite de sábado (30). Segundo a PM, a quadrilha estava reunida em Alfenas desde a quinta-feira (28) para estudar o local.

As vítimas do tiroteio foram encaminhadas para a Santa Casa de Alfenas com ferimentos leves. De acordo com a PM, elas não correm risco de morte.

_______________________________________
Saiba mais



Informações: Polícia Militar
Leia mais no G1

Polícia prende mais 2 por suposta participação em explosão de caixas

Crime aconteceu na madrugada de terça-feira (2) em Alfenas.
Outras quatro pessoas detidas foram encaminhada para a Polícia Federal.

04/06/2015 00:25
  Mais duas pessoas suspeitas de participação na explosão de uma caixa eletrônico na terça-feira (2) em Alfenas MG foram presas pela polícia. Os suspeitos estavam em um carro onde foi encontrado um material que possivelmente foi roubado de um médico no fim de semana. O carro do médico foi usado pelos criminosos durante o assalto.
As outras quatro presas foram ouvidas pela Polícia Federal em Varginha MG. Por questão de segurança, a PF não divulgou para qual presídio eles foram levados.

Quatro pessoas já tinham sido detidas por suposta participação na explosão dos equipamentos (Foto: Minas Acontece)

O assalto
Três suspeitos foram presos na manhã de terça-feira (2) após explodirem quatro caixas eletrônicos de uma agência da Caixa Econômica Federal em Alfenas MG. Segundo a Polícia Militar, os detidos fazem parte de um grupo com pelo menos sete pessoas que invadiu o banco por volta das 4h30. Junto com  o trio, a PM apreendeu duas pistolas, um fuzil, um revólver, dois carros, rádios comunicadores, coletes à prova de bala e bolsas com cerca de R$ 18 mil em dinheiro.
Ainda conforme a polícia, o assalto aconteceu na Avenida Jovino Fernandes Salles, no Bairro Jardim Alvorada. Na fuga, houve troca de tiros com um policial militar ambiental que passava pelo local. Nesse tiroteio, duas pessoas que também passavam pela região foram atingidas. e os suspeitos conseguiram escapar pela BR-491.
O trio detido foi localizado durante as buscas pela rodovia. Os suspeitos estavam escondidos em um matagal. Eles admitiram participação no crime e levaram os policiais até a pousada onde se hospedaram. Na pousada, foram encontrados dinheiro e armamento que teriam relação com o ataque desta terça.
Dois suspeitos presos, de 25 e 28 anos, são de São Paulo. Um outro, de 35 anos, mora em Alfenas (MG), mas é natural de Campos Gerais MG. A polícia localizou a casa dele e também prendeu a companheira dele, de 19 anos. Na casa, foram apreendidos motores de barcos e material de pesca furtados. Um carro branco que foi usado no crime pertence a um médico da cidade, que foi roubado na noite de sábado (30). Segundo a PM, a quadrilha estava reunida em Alfenas desde a quinta-feira (28) para estudar o local.

As vítimas do tiroteio foram encaminhadas para a Santa Casa de Alfenas com ferimentos leves. De acordo com a PM, elas não correm risco de morte.

_______________________________________
Saiba mais



Informações: Polícia Militar
Leia mais no G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário