Sargento da PM de SP é baleado em assalto na BR-381 em Campanha, MG - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

O Militar que é aposentado, fazia escolta de uma van carregada de eletroeletrônicos avaliado em R$700.000,00. Uma outra Militar que estava junto, não se feriu na interceptação dos bandidos.

02/08/2015 22:53
Veículo do Militar e a Hillux dos bandidos - Fotos: Alô Alô Cidade

O assalto foi hoje, domingo (02), logo pela manhã. Um carro Renault Sandero Expr 10, de cor preta, placas AZO-9660, Curitiba PR, conduzido pelo Aposentado Sargento da Polícia Militar de São Paulo, Geraldo Xavier, 50 anos e uma Sargento da PM de SP, também aposentada, Priscila, seguia pela Fernão Dias, quando próximo a cidade da Campanha, MG, foi surpreendidos por uma Toyota Hillux SW4, cor preta, placas, ENR-4422, Cotia, SP, com vários homens armados de diversos calibres, inclusive fuzis, fazendo sinal e fechando a Van com a carga.



Assista o vídeo:



Segundo informações da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência em Campanha, os bandidos já chegaram anunciando o assalto, atirando contra o veículo da escolta, descaracterizado, conduzido pelo militar aposentado. Ainda segundo a PM, havia outra caminhonete Hillux dando apoio ao roubo.
Pós o assalto, o militar, mesmo baleado, ainda conseguiu seguir até Campanha com seu carro todo perfurado e com o pneu dianteiro furado. Já na cidade, chegando em um bairro, na entrada, conseguiu pedir socorro para uma rapaz, que logo assumiu o veículo e levou o policial até o Pronto Atendimento da cidade. 

O socorro
No Pronto Atendimento, a médica de plantão, a Senhora Alitta Reis e sua equipe, logo o conduziram para o quarto de Urgência e deram os primeiros socorros. Segundo a Médica, que cedeu entrevista ao Alô Alô Cidade, o Sargento, Geraldo Xavier, foi baleado, e estava com perfurações no braço, absomem e perna. Ainda segundo a Médica, o SAMU foi chamado, para o encaminhamento da vítima para o Hospital Bom Pastor em Varginha, MG, onde passou por cirurgia. O estado da vítima, não foi informado até o momento para a reportagem. A passageira SGT. Priscila, nada sofreu, pois, segundo informações, ela teria abaixado dentro do veículo para se proteger durante a ação dos bandidos. Ela também foi com o SAMU, para acompanhar o Sargento até o Hospital.


O rastreamento
Ainda no pronto atendimento, a Policia Rodoviária Federal, esteve no local para ser registrado a ocorrência, juntamento com a Polícia Militar. Durante os trabalhos, os militares receberam informações, que haviam dois veículos com características de abandono, em um estrada vicinal as margens da Fernão Dias, ainda em Campanha.

A PM e a PRF, foram até o local e avistaram os veículos. A Van que foi tomada de assalto, estava abandonada próximo a um ''mata-burro'', logo a frente próximo a uma ponte de madeira, a Toyota Hillux SW4 dos bandidos, que também, foi abandonado por eles. 

O Alô Alô Cidade, acompanhou todos os trabalhos das Polícias no local. A Van de cor branca, com placas FRS-5687, de São José do Campos, SP, toda revirada e com toda a carga roubada. A Polícia acredita que um outro veículo de apoio fizeram o trasbordo da mercadoria de eletroeletrônicos e fugiram abandonando a Hillux. 

A caminhonete Hillux, estava, com 03 perfurações no vidro traseiro, proveniente dos próprios bandidos que efetuaram os disparos, nos bancos, haviam várias cápsulas de diversos tipos de munições e calibres, inclusive uma delas de .7.62 de uso exclusivo do Exército. Dentro do veículo também foi encontrado algumas roupas e uma boina não oficial. 

Os Policiais acreditam que o bandidos eram preparados, profissionais, pois a Hillux estava completamente tomado de um pó de um extintor, que os próprios homens, pós abandono do veículo sujaram a parte interna e externa da composição; pois segundo eles, tudo para ludibriar ou ocultar, as digitais deixadas por eles, com isso dificultaria a Polícia em fazer a perícia técnica. A Polícia Civil, esteve no local, fez o recolhimento dos materiais para ser periciados. 

Motorista da Van -
Foto: Alô Alô Cidade
O motorista da Van, Jeferson de Godoy Sais, 45 anos, sumiu e até agora não foi encontrado. A Polícia não descarta que ele foi vítima também de sequestro.
O carro da vítima, ficou na porta do Pronto Atendimento, em Campanha, até a chegada do Perito. No veículo, tinham 7 perfurações de diversos calibres, nas laterais, vidros e pneu, segundo informações da Polícia. 
A polícia não informou quantas pessoas participaram do ataque. Até esta publicação, nenhum suspeito havia sido detido. O Sargento baleado é natural de Taubaté, SP.

Na ocorrência estiveram as Equipes da PM de Varginha e Três Corações para o dar apoio a PM da Campanha, MG.

Segundo informações da PM, ao consultar no sistema interno, as placas da Hillux, ENR-442, Cotia, SP, encontrada abandonada, ela possui tem queixa de roubo e também as placas são ''clonadas'', frias, sendo elas de outro veículo da mesma marca de modelo e cor. A placas verdadeiras, que são desse veículo é a EUN-9657 São Paulo, SP de acordo com a numeração do chassi.

Fotos:


























Celulares








































Com exclusividade e direto da redação: ALÔ ALÔ CIDADE

Sargento da PM de SP é baleado em assalto na BR-381 em Campanha, MG

O Militar que é aposentado, fazia escolta de uma van carregada de eletroeletrônicos avaliado em R$700.000,00. Uma outra Militar que estava junto, não se feriu na interceptação dos bandidos.

02/08/2015 22:53
Veículo do Militar e a Hillux dos bandidos - Fotos: Alô Alô Cidade

O assalto foi hoje, domingo (02), logo pela manhã. Um carro Renault Sandero Expr 10, de cor preta, placas AZO-9660, Curitiba PR, conduzido pelo Aposentado Sargento da Polícia Militar de São Paulo, Geraldo Xavier, 50 anos e uma Sargento da PM de SP, também aposentada, Priscila, seguia pela Fernão Dias, quando próximo a cidade da Campanha, MG, foi surpreendidos por uma Toyota Hillux SW4, cor preta, placas, ENR-4422, Cotia, SP, com vários homens armados de diversos calibres, inclusive fuzis, fazendo sinal e fechando a Van com a carga.



Assista o vídeo:



Segundo informações da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência em Campanha, os bandidos já chegaram anunciando o assalto, atirando contra o veículo da escolta, descaracterizado, conduzido pelo militar aposentado. Ainda segundo a PM, havia outra caminhonete Hillux dando apoio ao roubo.
Pós o assalto, o militar, mesmo baleado, ainda conseguiu seguir até Campanha com seu carro todo perfurado e com o pneu dianteiro furado. Já na cidade, chegando em um bairro, na entrada, conseguiu pedir socorro para uma rapaz, que logo assumiu o veículo e levou o policial até o Pronto Atendimento da cidade. 

O socorro
No Pronto Atendimento, a médica de plantão, a Senhora Alitta Reis e sua equipe, logo o conduziram para o quarto de Urgência e deram os primeiros socorros. Segundo a Médica, que cedeu entrevista ao Alô Alô Cidade, o Sargento, Geraldo Xavier, foi baleado, e estava com perfurações no braço, absomem e perna. Ainda segundo a Médica, o SAMU foi chamado, para o encaminhamento da vítima para o Hospital Bom Pastor em Varginha, MG, onde passou por cirurgia. O estado da vítima, não foi informado até o momento para a reportagem. A passageira SGT. Priscila, nada sofreu, pois, segundo informações, ela teria abaixado dentro do veículo para se proteger durante a ação dos bandidos. Ela também foi com o SAMU, para acompanhar o Sargento até o Hospital.


O rastreamento
Ainda no pronto atendimento, a Policia Rodoviária Federal, esteve no local para ser registrado a ocorrência, juntamento com a Polícia Militar. Durante os trabalhos, os militares receberam informações, que haviam dois veículos com características de abandono, em um estrada vicinal as margens da Fernão Dias, ainda em Campanha.

A PM e a PRF, foram até o local e avistaram os veículos. A Van que foi tomada de assalto, estava abandonada próximo a um ''mata-burro'', logo a frente próximo a uma ponte de madeira, a Toyota Hillux SW4 dos bandidos, que também, foi abandonado por eles. 

O Alô Alô Cidade, acompanhou todos os trabalhos das Polícias no local. A Van de cor branca, com placas FRS-5687, de São José do Campos, SP, toda revirada e com toda a carga roubada. A Polícia acredita que um outro veículo de apoio fizeram o trasbordo da mercadoria de eletroeletrônicos e fugiram abandonando a Hillux. 

A caminhonete Hillux, estava, com 03 perfurações no vidro traseiro, proveniente dos próprios bandidos que efetuaram os disparos, nos bancos, haviam várias cápsulas de diversos tipos de munições e calibres, inclusive uma delas de .7.62 de uso exclusivo do Exército. Dentro do veículo também foi encontrado algumas roupas e uma boina não oficial. 

Os Policiais acreditam que o bandidos eram preparados, profissionais, pois a Hillux estava completamente tomado de um pó de um extintor, que os próprios homens, pós abandono do veículo sujaram a parte interna e externa da composição; pois segundo eles, tudo para ludibriar ou ocultar, as digitais deixadas por eles, com isso dificultaria a Polícia em fazer a perícia técnica. A Polícia Civil, esteve no local, fez o recolhimento dos materiais para ser periciados. 

Motorista da Van -
Foto: Alô Alô Cidade
O motorista da Van, Jeferson de Godoy Sais, 45 anos, sumiu e até agora não foi encontrado. A Polícia não descarta que ele foi vítima também de sequestro.
O carro da vítima, ficou na porta do Pronto Atendimento, em Campanha, até a chegada do Perito. No veículo, tinham 7 perfurações de diversos calibres, nas laterais, vidros e pneu, segundo informações da Polícia. 
A polícia não informou quantas pessoas participaram do ataque. Até esta publicação, nenhum suspeito havia sido detido. O Sargento baleado é natural de Taubaté, SP.

Na ocorrência estiveram as Equipes da PM de Varginha e Três Corações para o dar apoio a PM da Campanha, MG.

Segundo informações da PM, ao consultar no sistema interno, as placas da Hillux, ENR-442, Cotia, SP, encontrada abandonada, ela possui tem queixa de roubo e também as placas são ''clonadas'', frias, sendo elas de outro veículo da mesma marca de modelo e cor. A placas verdadeiras, que são desse veículo é a EUN-9657 São Paulo, SP de acordo com a numeração do chassi.

Fotos:


























Celulares








































Com exclusividade e direto da redação: ALÔ ALÔ CIDADE

Nenhum comentário:

Postar um comentário