Mulher é suspeita de provocar aborto em Campos Gerais - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

O feto foi encontrado pela Policia Militar dentro de um balde, na casa da família.

02/03/2016 21:22
Mulher é suspeita de provocar aborto em Campos Gerais - Foto/reprodução: RecMinas

A ocorrência foi na segunda-feira (29/02), quando a Policia Militar foi acionada a comparecer no Pronto Socorro Municipal de Campos Gerais, onde o médico ginecologista disse que no sábado (27/02), deu entrada no Hospital São Vicente de Paula, a paciente, Luciane ferreira de souza, 31 anos, com forte sangramento, e que devido a falta de anestesista foi feito alguns procedimento na paciente no intuito de estancar o sangramento, e que na data de hoje (29), ao realizar exames mais aprofundado foi constatado que, Luciane estava gravida de aproximadamente 5 meses, e que a mesma havia provocado o aborto.
Em contato com Luciane, que está sob os cuidados médicos, narrou que sábado (27), passou mal em sua residência enquanto estava lavando roupa e teve um forte sangramento, necessitando de cuidados médicos. A princípio disse que não estava grávida, posteriormente mencionou que estava grávida de 3 meses. Disse que não sabe o destino do feto, e que se havia um feto foi o próprio hospital que jogou fora.

Diante da situação a Polícia deslocou na residência de Luciane onde ocorreu o fato, em contato com genitor da suspeita este autorizou buscas no quarto de Luciene. Foi localizado um balde cheio de roupas que estava escondido atrás de uma cômoda; do balde vinha um odor muito forte, sendo localizado dentro deste uma sacolinha em meio a alguns panos e dentro da sacolinha foi encontrado um feto. O local foi isolado e acionado a Perícia Técnica. A suspeita ficou internada e segundo o médico corre risco de morte.


#EXCLUSIVO 
Mulher é suspeita de provocar aborto em Campos Gerais, no Sul de Minas. O feto foi encontrado pela Policia Militar dentro de um balde, na casa da família.#Record #BalançoGeral #JornalismoVerdade
Publicado por RecMinas em Terça, 1 de março de 2016

Mulher é suspeita de provocar aborto em Campos Gerais

O feto foi encontrado pela Policia Militar dentro de um balde, na casa da família.

02/03/2016 21:22
Mulher é suspeita de provocar aborto em Campos Gerais - Foto/reprodução: RecMinas

A ocorrência foi na segunda-feira (29/02), quando a Policia Militar foi acionada a comparecer no Pronto Socorro Municipal de Campos Gerais, onde o médico ginecologista disse que no sábado (27/02), deu entrada no Hospital São Vicente de Paula, a paciente, Luciane ferreira de souza, 31 anos, com forte sangramento, e que devido a falta de anestesista foi feito alguns procedimento na paciente no intuito de estancar o sangramento, e que na data de hoje (29), ao realizar exames mais aprofundado foi constatado que, Luciane estava gravida de aproximadamente 5 meses, e que a mesma havia provocado o aborto.
Em contato com Luciane, que está sob os cuidados médicos, narrou que sábado (27), passou mal em sua residência enquanto estava lavando roupa e teve um forte sangramento, necessitando de cuidados médicos. A princípio disse que não estava grávida, posteriormente mencionou que estava grávida de 3 meses. Disse que não sabe o destino do feto, e que se havia um feto foi o próprio hospital que jogou fora.

Diante da situação a Polícia deslocou na residência de Luciane onde ocorreu o fato, em contato com genitor da suspeita este autorizou buscas no quarto de Luciene. Foi localizado um balde cheio de roupas que estava escondido atrás de uma cômoda; do balde vinha um odor muito forte, sendo localizado dentro deste uma sacolinha em meio a alguns panos e dentro da sacolinha foi encontrado um feto. O local foi isolado e acionado a Perícia Técnica. A suspeita ficou internada e segundo o médico corre risco de morte.


#EXCLUSIVO 
Mulher é suspeita de provocar aborto em Campos Gerais, no Sul de Minas. O feto foi encontrado pela Policia Militar dentro de um balde, na casa da família.#Record #BalançoGeral #JornalismoVerdade
Publicado por RecMinas em Terça, 1 de março de 2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário