Publicidade

O autor alegou não possuir nenhum tipo de autorização do órgão ambiental competente.

21/10/2016
Na última segunda-feira (17/10), a Polícia Militar Rodoviária, durante fiscalização na MG-179, KM 93, em Pouso Alegre, avistou quando o condutor do veículo Jac/J3 placas de São Paulo efetuou manobra de retorno sendo então iniciado rastreamento e o veículo abordado logo à frente. Durante vistoria foram encontrados 19 pássaros da fauna silvestre, sendo 09 “trinca-ferros” e 10 “coleirinhas” no porta-malas, em transportadeiras. Questionado sobre os fatos, o condutor alegou que adquiriu os pássaros na cidade de Alfenas de um indivíduo e pagou a quantia de R$ 60,00 por cada “trinca-ferro” e R$ 5,00 por cada “coleirinha”. Os pássaros seriam comercializados na cidade de São Paulo. O autor alegou não possuir nenhum tipo de autorização do órgão ambiental competente. Diante do exposto, o autor foi preso em flagrante delito e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil. Os pássaros foram destinados a um depositário fiel, os quais, em 18 de outubro, passarão por avaliação veterinária para possível soltura.
19 pássaros foram apreendidos em Pouso Alegre - Foto: PM

Informações: Assessoria de Comunicação Organizacional da 17ª Cia PM Ind MAT

19 pássaros foram apreendidos em Pouso Alegre

O autor alegou não possuir nenhum tipo de autorização do órgão ambiental competente.

21/10/2016
Na última segunda-feira (17/10), a Polícia Militar Rodoviária, durante fiscalização na MG-179, KM 93, em Pouso Alegre, avistou quando o condutor do veículo Jac/J3 placas de São Paulo efetuou manobra de retorno sendo então iniciado rastreamento e o veículo abordado logo à frente. Durante vistoria foram encontrados 19 pássaros da fauna silvestre, sendo 09 “trinca-ferros” e 10 “coleirinhas” no porta-malas, em transportadeiras. Questionado sobre os fatos, o condutor alegou que adquiriu os pássaros na cidade de Alfenas de um indivíduo e pagou a quantia de R$ 60,00 por cada “trinca-ferro” e R$ 5,00 por cada “coleirinha”. Os pássaros seriam comercializados na cidade de São Paulo. O autor alegou não possuir nenhum tipo de autorização do órgão ambiental competente. Diante do exposto, o autor foi preso em flagrante delito e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil. Os pássaros foram destinados a um depositário fiel, os quais, em 18 de outubro, passarão por avaliação veterinária para possível soltura.
19 pássaros foram apreendidos em Pouso Alegre - Foto: PM

Informações: Assessoria de Comunicação Organizacional da 17ª Cia PM Ind MAT