Policial Militar é morto por engano por colega após assalto em Itapeva, MG - ALÔ ALÔ CIDADE

Policial Militar é morto por engano por colega após assalto em Itapeva, MG

Compartilhar isso

Segundo polícia, militar foi atingido em troca de tiros por colegas de folga.
Eles perseguiam criminosos que assaltaram posto e foram confundidos.

11/04/2015 23:14
Policial Militar teria sido morto por engano ao atender ocorrência em Itapeva - Foto: Reprodução EPTV
Um policial militar foi morto por engano por outro PM durante a madrugada deste sábado (11) em Itapeva MG. Segundo informações da própria polícia, criminosos em um carro branco assaltaram um posto de combustíveis em Extrema MG e logo depois fugiram sentido a Itapeva.
Ao saber da história, dois policiais militares que pertencem ao serviço de inteligência da corporação e que usam um automóvel semelhante ao que os suspeitos estavam, foram até o posto para investigar o caso. No local, dois PMs, que estavam em um carro particular e de folga, se aproximaram do veículo dos outros militares sem se identificar e começou uma troca de tiros. Um dos PMs do serviço de inteligência acabou sendo atingido. Somente após os disparos, os policiais perceberam o engano.
Segundo o comando da PM, um dos tiros atingiu a cabeça de Guilherme Ricardo Jurgensen, de 32 anos, que era soldado em Itapeva. Guilherme chegou a ser socorrido, mas já chegou morto ao hospital. O corpo dele foi levado para Mogi Mirim (SP), onde será sepultado neste domingo (12). Os dois policiais que fizeram os disparos foram detidos e levados para o quartel da PM em Extrema.
Até a atualização desta reportagem, os assaltantes, que fugiram com cerca de R$ 1 mil levados do posto, ainda não tinham sido localizados.

Vídeo:


Informações: Polícia Militar
Leia mais no G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário