Publicidade

Eles manifestaram e defenderam o emprego. Segundo eles, um dos vereadores pediu a revisão do último Processo Seletivo de 2018.


28/03/2018

Cerca de 60 funcionários públicos municipais de Cambuquira manifestaram na segunda-feira passada (19/03), na Câmara de Vereadores. A manifestação foi contra o vereador Eraldo Nazário, que pediu ao prefeito Fabrício cópia das provas realizadas pelos funcionários, que passaram no processo seletivo realizado nos dias 27 e 28 do mês de fevereiro deste ano. 
O jovem Rian Santos, que segura um cartaz com os dizeres “A cidade precisa de solução, e não oposição” continuará em busca de seus direitos “é direito nosso, passei em terceiro colocado no processo seletivo, precisamos de uma cidade melhor”. O jovem já trabalha há mais de 9 meses na prefeitura, e este é o segundo processo seletivo que ele é aprovado.

Segundo o vereador Eraldo Nazário, o processo seletivo tem indícios de fraude, e ele resolveu pedir as cópias da provas, ao ver várias manifestações no Facebook de candidatos que participaram do processo. O vereador afirmou que no dia da realização da prova, após o fechamento dos portões, ele viu uma candidata indo até o local de aplicação, com fones de ouvido, toda tranquila e que a mesma foi aprovada. Segundo a Lei Orgânica do município de Cambuquira, o prefeito tem até 15 dias para enviar uma resposta ao requerimento do vereador Eraldo Nazário.

Acompanhe o vídeo gravado ao vivo durante a reunião.


Fotos:

























Funcionários da Prefeitura fazem manifestação na Câmara de Vereadores de Cambuquira

Eles manifestaram e defenderam o emprego. Segundo eles, um dos vereadores pediu a revisão do último Processo Seletivo de 2018.


28/03/2018

Cerca de 60 funcionários públicos municipais de Cambuquira manifestaram na segunda-feira passada (19/03), na Câmara de Vereadores. A manifestação foi contra o vereador Eraldo Nazário, que pediu ao prefeito Fabrício cópia das provas realizadas pelos funcionários, que passaram no processo seletivo realizado nos dias 27 e 28 do mês de fevereiro deste ano. 
O jovem Rian Santos, que segura um cartaz com os dizeres “A cidade precisa de solução, e não oposição” continuará em busca de seus direitos “é direito nosso, passei em terceiro colocado no processo seletivo, precisamos de uma cidade melhor”. O jovem já trabalha há mais de 9 meses na prefeitura, e este é o segundo processo seletivo que ele é aprovado.

Segundo o vereador Eraldo Nazário, o processo seletivo tem indícios de fraude, e ele resolveu pedir as cópias da provas, ao ver várias manifestações no Facebook de candidatos que participaram do processo. O vereador afirmou que no dia da realização da prova, após o fechamento dos portões, ele viu uma candidata indo até o local de aplicação, com fones de ouvido, toda tranquila e que a mesma foi aprovada. Segundo a Lei Orgânica do município de Cambuquira, o prefeito tem até 15 dias para enviar uma resposta ao requerimento do vereador Eraldo Nazário.

Acompanhe o vídeo gravado ao vivo durante a reunião.


Fotos:

























Nenhum comentário:

Postar um comentário