Governador Fernando Pimentel entrega 72 novas viaturas para a Polícia Militar de Minas Gerais - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

Veículos serão utilizados para reforçar o trabalho de segurança pública em 68 municípios de diversas regiões do Estado.

04/05/2018
Crédito (fotos): Manoel Marques/Imprensa MG

O governador Fernando Pimentel entregou nesta sexta-feira (4/5) no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, 72 novas viaturas para a Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG). Ao todo, foram investidos R$ 5,2 milhões para a aquisição dos veículos que vão reforçar o trabalho da segurança pública em 68 municípios de diversas regiões do Estado. Os recursos para a compra dos veículos são provenientes de emendas parlamentares.
As novas viaturas serão utilizadas no patrulhamento preventivo e ostensivo, oferecendo mais condições de trabalho aos policiais e, consequentemente, melhorando o atendimento das demandas da população mineira. Fernando Pimentel reforçou, em seu discurso, a escolha de sua gestão em manter os serviços públicos funcionando, apesar de todas as dificuldades financeiras. Segundo o governador, Minas Gerais evitou, assim, o colapso em áreas com segurança, educação e saúde, tal como ocorre em outros estados.
 “Nós tivemos redução dos crimes violentos em Minas Gerais de quase 30%, comparando 2017 com 2016. Tivemos queda também de 30% no primeiro trimestre deste ano. É uma tendência. Então, nós temos que registrar isso, porque se tem uma coisa que Minas Gerais hoje tem orgulho é da situação da segurança pública do Estado. Está muito melhor do que antes e muito melhor do que a média brasileira. Isso se deve ao trabalho da nossa Polícia Militar, da nossa Polícia Civil, das forças prisionais, enfim, do nosso aparato de segurança pública. Então, nós temos orgulho da nossa polícia e vamos continuar apoiando o trabalho dela”, afirmou.
O governador ainda pontuou a opção da atual gestão por desenvolver ações que demandam menor investimentos, mas que trazem resultados significativos na vida dos cidadãos, ao invés de “fazer obras suntuosas, palácios modernos ou gastar dinheiro fazendo coisas de luxo”.
“Os prefeitos sabem a importância de ter uma viatura nova para a Polícia Militar, de uma ambulância nova para a sua cidade, de um trecho de asfalto pequeno. Hoje recebi empresários da cidade de Carlos Chagas. Nós fizemos um trecho pequeno de asfalto na cidade, ligando um distrito à estrada principal. Pouca coisa, mas com esse pequeno trecho de asfalto, como havia um frigorífico nesse distrito, viabilizou as exportações de carne daquele frigorífico para o mundo inteiro, porque a vigilância sanitária impedia que se passasse num trecho de terra a carne não poderia ser exportada. São obras aparentemente pequenas, mas que fazem a diferença. Essa é a escolha que Minas Gerais fez e vai continuar nesse caminho”, finalizou.
Em entrevista à imprensa, o comandante-geral da PMMG, coronel Helbert Figueiró de Lourdes, destacou que a entrega se soma aos esforços do Governo do Estado dentro do Programa +Segurança, que realiza uma série de investimentos na segurança pública e que permitiram uma redução contínua do número de crimes violentos no Estado.
“Essas viaturas se somam a vários esforços que a gente tem feito, especialmente com as cidades do interior, numa intenção incessante de retomar a tranquilidade desses municípios. E um recurso logístico novo como esse traz motivação para a tropa trabalhar e, obviamente, uma presença mais ostensiva da Polícia Militar nessas cidades”, afirmou.
Além de entregas de carros já realizadas, destacam-se como ações importantes do programa a ampliação do número de policiais militares atuando em todos os Territórios mineiros e a digitalização da rede de rádio da PMMG, garantindo maior segurança, qualidade e cobertura para o Estado.

Diálogo e trabalho
Representando os demais prefeitos na cerimônia, o chefe do Executivo de Aimorés, Marcelo Marques, destacou o comprometimento dessa gestão estadual com a segurança pública. “Gostaríamos de agradecer ao governo. Com a implantação dos Fóruns Regionais nesta gestão, conseguimos avanços para o Vale do Jequitinhonha. Conquistamos a nossa Companhia de Polícia Militar em Aimorés e, recentemente, o Corpo de Bombeiros na cidade de Resplendor”, disse.
Já o deputado federal Fabio Ramalho, vice-presidente da Câmara Federal, avaliou que as forças de segurança de Minas Gerais têm feito um trabalho que poderia ser exemplo para outros Estados.  “Minas tem demonstrado que é a terra do diálogo, da conversa e, sobretudo, das montanhas, que nos inspiram a paciência. E essa paciência demonstra, em momentos difíceis, que temos de avançar. As polícias em Minas têm feito um trabalho invejável para todo o país.  As dificuldades que Minas têm hoje não são do governador, são dos tempos. As coisas em Minas Gerais poderiam ter sido construídas há mais tempo, não vou culpar ninguém, cada governador fez a sua parte. Temos que procurar um caminho. Temos uma bancada unida, independentemente da cor partidária”, destacou.
A cerimônia também contou com a presença dos secretários de Governo em exercício, Francisco Moreira, de Cidades e de Integração Regional, Carlos Murta, o secretário adjunto de Segurança Pública, Aílton Aparecido de Lacerda; o chefe da Polícia Civil, João Octacílio Silva Neto; o presidente do Tribunal de Justiça Militar de Minas Gerais, coronel James Ferreira Santos; o chefe do Gabinete Militar e coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Fernando Arantes; o chefe do Estado Maior do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, coronel Edgar Estevo; o secretário executivo do Fórum Regional Território Metropolitano, Ronaldo Manassés; os deputados federais Edson Moreira, Mauro Lopes, Jô Moraes, Lincoln Portela, Marcelo Aro, Saraiva Felipe, Weliton Prado; os deputados estaduais Durval Ângelo, João Magalhães, Celise Laviola, Ulisses Gomes, Paulo Guedes e  Leo Portela; além de prefeitos, vereadores e demais autoridades. 
 


Governador Fernando Pimentel entrega 72 novas viaturas para a Polícia Militar de Minas Gerais

Veículos serão utilizados para reforçar o trabalho de segurança pública em 68 municípios de diversas regiões do Estado.

04/05/2018
Crédito (fotos): Manoel Marques/Imprensa MG

O governador Fernando Pimentel entregou nesta sexta-feira (4/5) no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, 72 novas viaturas para a Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG). Ao todo, foram investidos R$ 5,2 milhões para a aquisição dos veículos que vão reforçar o trabalho da segurança pública em 68 municípios de diversas regiões do Estado. Os recursos para a compra dos veículos são provenientes de emendas parlamentares.
As novas viaturas serão utilizadas no patrulhamento preventivo e ostensivo, oferecendo mais condições de trabalho aos policiais e, consequentemente, melhorando o atendimento das demandas da população mineira. Fernando Pimentel reforçou, em seu discurso, a escolha de sua gestão em manter os serviços públicos funcionando, apesar de todas as dificuldades financeiras. Segundo o governador, Minas Gerais evitou, assim, o colapso em áreas com segurança, educação e saúde, tal como ocorre em outros estados.
 “Nós tivemos redução dos crimes violentos em Minas Gerais de quase 30%, comparando 2017 com 2016. Tivemos queda também de 30% no primeiro trimestre deste ano. É uma tendência. Então, nós temos que registrar isso, porque se tem uma coisa que Minas Gerais hoje tem orgulho é da situação da segurança pública do Estado. Está muito melhor do que antes e muito melhor do que a média brasileira. Isso se deve ao trabalho da nossa Polícia Militar, da nossa Polícia Civil, das forças prisionais, enfim, do nosso aparato de segurança pública. Então, nós temos orgulho da nossa polícia e vamos continuar apoiando o trabalho dela”, afirmou.
O governador ainda pontuou a opção da atual gestão por desenvolver ações que demandam menor investimentos, mas que trazem resultados significativos na vida dos cidadãos, ao invés de “fazer obras suntuosas, palácios modernos ou gastar dinheiro fazendo coisas de luxo”.
“Os prefeitos sabem a importância de ter uma viatura nova para a Polícia Militar, de uma ambulância nova para a sua cidade, de um trecho de asfalto pequeno. Hoje recebi empresários da cidade de Carlos Chagas. Nós fizemos um trecho pequeno de asfalto na cidade, ligando um distrito à estrada principal. Pouca coisa, mas com esse pequeno trecho de asfalto, como havia um frigorífico nesse distrito, viabilizou as exportações de carne daquele frigorífico para o mundo inteiro, porque a vigilância sanitária impedia que se passasse num trecho de terra a carne não poderia ser exportada. São obras aparentemente pequenas, mas que fazem a diferença. Essa é a escolha que Minas Gerais fez e vai continuar nesse caminho”, finalizou.
Em entrevista à imprensa, o comandante-geral da PMMG, coronel Helbert Figueiró de Lourdes, destacou que a entrega se soma aos esforços do Governo do Estado dentro do Programa +Segurança, que realiza uma série de investimentos na segurança pública e que permitiram uma redução contínua do número de crimes violentos no Estado.
“Essas viaturas se somam a vários esforços que a gente tem feito, especialmente com as cidades do interior, numa intenção incessante de retomar a tranquilidade desses municípios. E um recurso logístico novo como esse traz motivação para a tropa trabalhar e, obviamente, uma presença mais ostensiva da Polícia Militar nessas cidades”, afirmou.
Além de entregas de carros já realizadas, destacam-se como ações importantes do programa a ampliação do número de policiais militares atuando em todos os Territórios mineiros e a digitalização da rede de rádio da PMMG, garantindo maior segurança, qualidade e cobertura para o Estado.

Diálogo e trabalho
Representando os demais prefeitos na cerimônia, o chefe do Executivo de Aimorés, Marcelo Marques, destacou o comprometimento dessa gestão estadual com a segurança pública. “Gostaríamos de agradecer ao governo. Com a implantação dos Fóruns Regionais nesta gestão, conseguimos avanços para o Vale do Jequitinhonha. Conquistamos a nossa Companhia de Polícia Militar em Aimorés e, recentemente, o Corpo de Bombeiros na cidade de Resplendor”, disse.
Já o deputado federal Fabio Ramalho, vice-presidente da Câmara Federal, avaliou que as forças de segurança de Minas Gerais têm feito um trabalho que poderia ser exemplo para outros Estados.  “Minas tem demonstrado que é a terra do diálogo, da conversa e, sobretudo, das montanhas, que nos inspiram a paciência. E essa paciência demonstra, em momentos difíceis, que temos de avançar. As polícias em Minas têm feito um trabalho invejável para todo o país.  As dificuldades que Minas têm hoje não são do governador, são dos tempos. As coisas em Minas Gerais poderiam ter sido construídas há mais tempo, não vou culpar ninguém, cada governador fez a sua parte. Temos que procurar um caminho. Temos uma bancada unida, independentemente da cor partidária”, destacou.
A cerimônia também contou com a presença dos secretários de Governo em exercício, Francisco Moreira, de Cidades e de Integração Regional, Carlos Murta, o secretário adjunto de Segurança Pública, Aílton Aparecido de Lacerda; o chefe da Polícia Civil, João Octacílio Silva Neto; o presidente do Tribunal de Justiça Militar de Minas Gerais, coronel James Ferreira Santos; o chefe do Gabinete Militar e coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Fernando Arantes; o chefe do Estado Maior do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, coronel Edgar Estevo; o secretário executivo do Fórum Regional Território Metropolitano, Ronaldo Manassés; os deputados federais Edson Moreira, Mauro Lopes, Jô Moraes, Lincoln Portela, Marcelo Aro, Saraiva Felipe, Weliton Prado; os deputados estaduais Durval Ângelo, João Magalhães, Celise Laviola, Ulisses Gomes, Paulo Guedes e  Leo Portela; além de prefeitos, vereadores e demais autoridades. 
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário