Homem morre baleado por bandidos em troca de tiros com a PM em Guaranésia após roubo a Banco - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

Polícia frustrou os bandidos que fugiram sentido BR-491. Uma pessoa morreu e outra  foi socorrida com ferimentos


Um pessoa morreu e outra ficou ferida após troca de tiros entre bandidos e PMs em frente uma agência do Sincoob de Guaranésia na praça Sinhá. O banco foi alvo de uma quadrilha de assaltantes no começo da tarde desta terça-feira (31/07). A PM frustrou o roubo assim que eles saiam com o dinheiro da agência no centro da cidade.
Segundo informações da PM, pelo menos cinco bandidos encapuzados, fortemente armados, trocaram tiros com os militares durante a fuga. Eles revidaram contra a PM e abandonaram parte do dinheiro em mochilas. Uma caminhonete Amarok com queixa de furto também foi abandonada na saída da cidade. Durante a fuga, eles roubaram um Fiat Uno de cor vermelha de uma vítima que seguia para o trabalho. Dentro da caminhonete Amarok com placas adulteradas da cidade de Cajuru, SP, tinham muitas munições e uma quantidade de dinheiro não informado.
Polícia frustra bandidos e troca tiros durante assalto a banco de Guaranésia, MG - Fotos/reprodução: Alô Alô Cidade/Tv Magaiver
Ainda segundo informações da Polícia, o bandidos fugiram sentido BR491, que liga a cidade  de Arceburgo, MG a Guaranésia.
Todo o efetivo das Policias Militar e Civil estão no rastreamento com cerco bloqueios nas saídas e entradas das cidades circunvizinhas. Duas pessoas ficaram feridas e uma delas, um homem, foi usado de escudo pelos bandidos durante a fuga. Os dois foram socorridos para o Hospital, um deles, é um dos PMs, que trocou tiros com a quadrilha. Até o momento ninguém foi preso.
Na manhã desta quarta-feira (01/08), uma das vítimas, o Roberto Rodrigues, de 46 anos, que foi baleado durante uma tentativa de assalto, não resistiu e morreu no Hospital. Ele foi atingido no rosto e na virilha e estava internado desde terça-feira, na Santa Casa de Passos, MG. A Polícia Militar não esclareceu se Rodrigues era cliente da agência que foi assaltada ou se passava pelo local no momento do crime.

Homem morre baleado por bandidos em troca de tiros com a PM em Guaranésia após roubo a Banco

Polícia frustrou os bandidos que fugiram sentido BR-491. Uma pessoa morreu e outra  foi socorrida com ferimentos


Um pessoa morreu e outra ficou ferida após troca de tiros entre bandidos e PMs em frente uma agência do Sincoob de Guaranésia na praça Sinhá. O banco foi alvo de uma quadrilha de assaltantes no começo da tarde desta terça-feira (31/07). A PM frustrou o roubo assim que eles saiam com o dinheiro da agência no centro da cidade.
Segundo informações da PM, pelo menos cinco bandidos encapuzados, fortemente armados, trocaram tiros com os militares durante a fuga. Eles revidaram contra a PM e abandonaram parte do dinheiro em mochilas. Uma caminhonete Amarok com queixa de furto também foi abandonada na saída da cidade. Durante a fuga, eles roubaram um Fiat Uno de cor vermelha de uma vítima que seguia para o trabalho. Dentro da caminhonete Amarok com placas adulteradas da cidade de Cajuru, SP, tinham muitas munições e uma quantidade de dinheiro não informado.
Polícia frustra bandidos e troca tiros durante assalto a banco de Guaranésia, MG - Fotos/reprodução: Alô Alô Cidade/Tv Magaiver
Ainda segundo informações da Polícia, o bandidos fugiram sentido BR491, que liga a cidade  de Arceburgo, MG a Guaranésia.
Todo o efetivo das Policias Militar e Civil estão no rastreamento com cerco bloqueios nas saídas e entradas das cidades circunvizinhas. Duas pessoas ficaram feridas e uma delas, um homem, foi usado de escudo pelos bandidos durante a fuga. Os dois foram socorridos para o Hospital, um deles, é um dos PMs, que trocou tiros com a quadrilha. Até o momento ninguém foi preso.
Na manhã desta quarta-feira (01/08), uma das vítimas, o Roberto Rodrigues, de 46 anos, que foi baleado durante uma tentativa de assalto, não resistiu e morreu no Hospital. Ele foi atingido no rosto e na virilha e estava internado desde terça-feira, na Santa Casa de Passos, MG. A Polícia Militar não esclareceu se Rodrigues era cliente da agência que foi assaltada ou se passava pelo local no momento do crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário