Embriaguez ao volante provoca acidente e tira vida de três pessoas na BR-459 - ALÔ ALÔ CIDADE

PUBLICIDADE

Embriaguez ao volante provoca acidente e tira vida de três pessoas na BR-459

Compartilhar isso

Uma pessoa foi socorrida em estado grave para o Hospital de Pouso Alegre.


Três pessoas morreram e uma ficou ferida após um acidente provocado por um motorista embriagado no final da tarde deste sábado (23/03), na BR-459 entre Pouso Alegre e Congonhal-MG.
Segundo informações do Corpo de Bombeiros, assim que chegaram ao local, um militar do Corpo de Bombeiros de Poços de Caldas, Cabo Amaral, já tinha feito os primeiros atendimentos e pedido mais socorros. Ele estava de folga e seguia pela Rodovia BR-459 quando deparou com a tragédia. No acidente haviam três pessoas mortos, pai e filho, e uma senhora. No VW Gol, com placas de Pouso Alegre, estavam o motorista Reginaldo Carlos Ferreira, de 47 e o filho, Luiz Eduardo Custódio, de 10 anos, que não resistiram. Eles moravam no distrito do ''Canta Galo'' próximo a Pouso Alegre. Já na Hyundai Tucson, com placas de Itapeva, MG, estavam motorista que foi preso por embriaguez ao volante, esposa dele que morreu, Aline Frutuoso, de 33 anos e um passageiro que foi socorrido em estado grave para o Hospital Samuel Libânio. 

Segundo informações de testemunhas motoristas que passavam pelo local, o motorista da Tucson estaria fazendo várias ultrapassagens perigosas na BR-459, quando próximo do KM-91, bateu de frente o Gol que seguia no sentido contrário, onde estava o pai e filho que seguiam para cidade para cortar cabelo.
Segundo informações da Polícia Militar que deu apoio, o motorista da Tucson ainda tentou fugir do local do acidente, mas foi impedido por populares e preso. 

O teste do etilômetro realizado pela Polícia Rodoviária Federal apontou que ele estava com 0,86 de mg/litro de ar expelido dos pulmões
O motorista, Aldo Silva, de 37 anos, é de Itajubá e hoje, segundo ele, mora em Congonhal, junto com a Esposa que morreu no acidente. Ele seguiu preso pela Polícia Rodoviária Federal de Poços de Caldas até a Delegacia de Polícia Civil em Pouso Alegre, onde permaneceu sob responsabilidade da Polícia Judiciária.



Segundo informações da PRF, o conduzido será preso sem direito a fiança. A perita da Polícia Civil compareceu no local do acidente, fez os serviços de praxes e liberou os corpos para ser removidos para o IML. Todas as vítimas fatais foram retiradas, sendo apenas o motorista do Gol que ficou preso entre as ferragens. A Equipe do 1º Sargento Batista, SD Alberto, Sgt Vinhais e SD Pablo fizeram os trabalhos da remoção e liberação para a Funerária.

Os corpos foram encaminhados para o IML e posteriormente liberado para a Família. O sepultamento do Pai e Filho, segundo informações, serão velados e sepultados em Pouso Alegre. Já o corpo da esposa do motorista que provocou o acidente, será levado para ser sepultado em Congonhal.

Publicidade

spider