Motoristas com sintomas de embriaguez são detidos após provocar acidentes em Campanha-MG - ALÔ ALÔ CIDADE

Motoristas com sintomas de embriaguez são detidos após provocar acidentes em Campanha-MG

Compartilhar isso

Eles foram conduzidos após bater seus veículos. Um deles colidiu de frente com outro carro na BR-267


Dois homens foram presos após provocar acidentes em Campanha na noite deste sábado (03/07). Um deles bateu a Kombi que dirigia em um caminhão estacionado ao lado da Rodoviária. Já o outro bateu o Uno de frente com um Gol na Rodovia BR-267.

Segundo informações da Polícia Militar, um homem que dirigia uma Kombi seguia pela Rua Moretzsohn Luiz de Oliveira, ao lado do Terminal Rodoviário, no centro da cidade da Campanha-MG, quando em dado momento bateu de frente com um caminhão estacionado. O motorista não se feriu. A equipe policial esteve no local e levou o condutor detido por suspeita de embriaguez para o quartel para o registro.

Kombi bateu de frente com caminhão estacionado - Foto: rede sociais

Ainda em Campanha-MG, outro acidente mais grave ocorreu na BR-267, rodovia Vital Brazil, próximo do Bairro Jardim Primavera.

Segundo informações da PM, um motorista que dirigia um Fiat Uno invadiu a contramão de direção e colidiu de frente com um veículo VW Gol. Os motoristas só tiveram ferimentos leves.

Gol ficou com a frente danificada pela batida do Uno - Foto: Alô Alô Cidade

A Polícia Militar Rodoviária não quis dar entrevista, mas comprovou que o condutor do Fiat Uno que provocou o acidente, estava com sintomas de embriaguez.

Segundo informações da Polícia Militar Rodoviária de Varginha, o motorista do Uno foi convidado a realizar o teste do etilômetro, que após o resultado, comprovou que ele ingeriu bebida alcoólica antes de dirigir, testando 0,69 ml de álcool por litro de ar expelido.

O Fiat Uno ficou com a frente destruída após acidente na rodovia - Foto: Alô Alô Cidade

No 4º Pelotão da Polícia Militar em Campanha, assim que a equipe de reportagem chegou para acompanhar a ocorrência, havia outro motorista detido por também por embriaguez ao volante que provou outro acidente. Ele conduzia uma Kombi e, quando passava próximo do terminal rodoviário colidiu de frente com um caminhão que estava estacionado em uma rua.

O motorista da Kombi também foiconvidado a realizar o teste do etilômetro, que após o resultado, a PMcomprovou que ele dirigiria sob efeito de álcool. O teste resultou em 0,48 ml.

Ainda segundo a Polícia, os motoristas foram conduzidos para a Delegacia de Polícia em Três Corações, apresentado para o Delegado de Plantão para as demais providências. Os veículos foram removidos para um pátio credenciado.

A Kombi era conduzida por um motorista com sintomas de embriaguez - Foto: redes sociais

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), dirigir sob efeito de álcool é infração gravíssima e gera penalidade de sete pontos na carteira.

O motorista ainda tem de pagar multa no valor de R$ 2.934,70. Se o motorista for flagrado novamente dirigindo embriagado no período de um ano, a multa é dobrada e passa a custar R$ 5.869,40. A habitação é recolhida e o motorista precisa passar novamente pela autoescola para voltar a dirigir.

Se o teste do etilômetro (popularmente chamado como teste do bafômetro) confirmar a presença de 0,3 miligramas de álcool por litro de ar expelido ou mais, o motorista é autuado por crime de embriaguez ao volante.

Caso o motorista provoque acidente de trânsito que resulte na morte de alguém ou lesões corporais graves, a pena vai de cinco a oito anos de prisão. A CNH também pode ser cassada.

A Kombi era conduzida por um motorista com sintomas de embriaguez - Foto: redes sociais



Nenhum comentário:

Postar um comentário