Governo de Minas Gerais faz entrega inédita de 40 ambulâncias-cela para unidades prisionais de todo o estado - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

Sistema Prisional de Minas Gerais é o primeiro a adquirir veículos desse tipo, que são adaptados para transporte de presos em casos emergenciais de saúde

Crédito (foto): Dirceu Aurélio/Seap

A Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap) entregou nesta quinta-feira (5/7/) 40 ambulâncias-cela para 40 unidades prisionais de todo o estado, durante solenidade realizada na Penitenciária José Maria Alkimin, em Ribeirão das Neves. A iniciativa inovadora reforça ainda mais o Sistema Prisional como referência nacional, já que pesquisas da Seap apontam que o órgão estadual é o primeiro a adquirir veículos desse tipo.

O automóvel possui cela de proteção, o que permite a presença de dois agentes de segurança penitenciários, juntos ao técnico de saúde e o preso. A nova aquisição tem como objetivo principal aumentar a segurança e facilitar os processos de escoltas hospitalares, evitando a necessidade de a ambulância ser acompanhada por um veículo batedor.
Governo de Minas Gerais faz entrega inédita de 40 ambulâncias-cela para unidades prisionais de todo o estado - Crédito (fotos): Dirceu Aurélio/Seap
O subsecretário de Gestão Administrativa, Logística e Tecnologia, Wilson Gomes da Silva Junior, esteve na solenidade entregando as chaves das ambulâncias-cela. Durante seu pronunciamento, destacou os esforços da Seap em ofertar serviços de excelência.

“Essa entrega demonstra o respeito aos nossos servidores, na condução do preso, dando melhores condições de trabalho e de assistência ao Sistema Prisional. Nós estamos mudando e evoluindo junto com o mundo, essa inovação faz parte dessa busca por um bom trabalho que almejamos. Vivenciamos muitas dificuldades, mas mesmo assim estamos conseguindo entregar muitos equipamentos e iremos entregar ainda mais. E o que dá condições para isso são os bons resultados apresentados pela Seap, que ainda é modelo no país. E esse desempenho vem do esforço dos nossos servidores que dão respaldo para o nosso sucesso” afirma Wilson.

O investimento foi de R$ 7.346.249,52, provenientes do Fundo Estadual de Saúde, que é direcionado ao Sistema Prisional para manutenção de unidades prisionais hospitalares e aquisição de equipamentos para o setor. Os veículos de médio porte são adaptados para transporte de presos e possuem em seu interior macas retráteis, equipamentos e materiais de saúde. Outros benefícios serão a economicidade e eficiência, uma vez que as escoltas hospitalares serão simplificadas e custarão menos.

Para a subsecretária de Humanização do Atendimento, Emília Castilho, que também esteve presente na solenidade, a ação é de grande importância no processo de ressocialização.

“A entrega dessas ambulâncias é a prova da nossa preocupação em construir um sistema humanizado, que ao mesmo tempo traz melhores condições para os nossos servidores. O veículo é mais adequado, e atende tantos os funcionários da área de atendimento, como os funcionários da segurança. Eles irão respeitar todas as necessidades e destaca a nossa caminhada em busca de um Sistema Prisional mais humano e seguro para todos”, diz Emília.

A iniciativa faz parte do programa 208 da Seap, nomeado “Infraestrutura do Sistema Prisional”, que tem como objetivo garantir o conjunto de instalações, equipamentos e serviços adequados para as unidades prisionais.

Além disso, cumpre com a obrigatoriedade da prestação de atenção básica à saúde dos presos, atendendo às necessidades dos núcleos de saúde das unidades prisionais, e ao cumprimento da legislação em vigor. A ação foi conjunta e desde o início envolveu todas as subsecretarias da Seap: Segurança Prisional (Susep), Humanização Do Atendimento (Suhua) e de Gestão Administrativa, Logística e Tecnologia (Sulot).

Segue a lista de cidades e unidades prisionais contempladas:

Alfenas, Presídio de Alfenas, em Barbacena, Presídio de Barbacena, Hospital Psiquiátrico e Judiciário Jorge Vaz, em Belo Horizonte, Complexo Penitenciário Feminino Estevão Pinto, Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) Gameleira e Central de Comunicação e Rastreamento Veicular (Cecom), em Carmo do Paranaíba, Complexo Penitenciário Nossa Senhora do Carmo, em Contagem, Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Curvelo, Presídio de Curvelo, em Formiga, Penitenciária de Formiga, em Francisco Sá, Penitenciária de Francisco Sá, em Governador Valadares, Penitenciária Francisco Floriano de Paula e Presídio de Governador Valadares, em Ipaba, Penitenciária Dênio Moreira de Carvalho, em Juiz de Fora, Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) de Juiz de Fora, Central de Escolta de Juiz de Fora e Penitenciária Professor Ariosvaldo Campos Pires, em Montes Claros, Presídio de Montes Claros, em Muriaé, Penitenciária Doutor Manoel Martins Lisboa Júnior, em Pará de Minas, Complexo Penitenciário Doutor Pio Canedo, em Passos, Presídio de Passos, em Patrocínio, Penitenciária Deputado Expedito de Farias Tavares, em Ponte Nova, Complexo Penitenciário de Ponte Nova, em Pouso Alegre, Presídio de Pouso Alegre, em Ribeirão das Neves, Centro de Apoio Médico e Pericial, Presídio Antônio Dutra Ladeira, Presídio José Martinho Drumond, Penitenciária José Maria Alkimin e Complexo Penitenciário Público Privado, em São Joaquim de Bicas, Penitenciária Jason Soares Albergaria, Presídio de São Joaquim de Bicas I e Presídio de São Joaquim de Bicas II, em Sete Lagoas, Presídio Promotor José Costa, em Teófilo Otoni, Presídio de Teófilo Otoni, em Três Corações, Penitenciária de Três Corações, em Uberaba, Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira, em Uberlândia, Penitenciária Professor João Pimenta da Veiga, Presídio Professor Jacy de Assis, em Unaí, Penitenciária Agostinho de Oliveira Júnior, em Vespasiano Presídio de Vespasiano.

Com informações Governo de Minas Gerais

Governo de Minas Gerais faz entrega inédita de 40 ambulâncias-cela para unidades prisionais de todo o estado

Sistema Prisional de Minas Gerais é o primeiro a adquirir veículos desse tipo, que são adaptados para transporte de presos em casos emergenciais de saúde

Crédito (foto): Dirceu Aurélio/Seap

A Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap) entregou nesta quinta-feira (5/7/) 40 ambulâncias-cela para 40 unidades prisionais de todo o estado, durante solenidade realizada na Penitenciária José Maria Alkimin, em Ribeirão das Neves. A iniciativa inovadora reforça ainda mais o Sistema Prisional como referência nacional, já que pesquisas da Seap apontam que o órgão estadual é o primeiro a adquirir veículos desse tipo.

O automóvel possui cela de proteção, o que permite a presença de dois agentes de segurança penitenciários, juntos ao técnico de saúde e o preso. A nova aquisição tem como objetivo principal aumentar a segurança e facilitar os processos de escoltas hospitalares, evitando a necessidade de a ambulância ser acompanhada por um veículo batedor.
Governo de Minas Gerais faz entrega inédita de 40 ambulâncias-cela para unidades prisionais de todo o estado - Crédito (fotos): Dirceu Aurélio/Seap
O subsecretário de Gestão Administrativa, Logística e Tecnologia, Wilson Gomes da Silva Junior, esteve na solenidade entregando as chaves das ambulâncias-cela. Durante seu pronunciamento, destacou os esforços da Seap em ofertar serviços de excelência.

“Essa entrega demonstra o respeito aos nossos servidores, na condução do preso, dando melhores condições de trabalho e de assistência ao Sistema Prisional. Nós estamos mudando e evoluindo junto com o mundo, essa inovação faz parte dessa busca por um bom trabalho que almejamos. Vivenciamos muitas dificuldades, mas mesmo assim estamos conseguindo entregar muitos equipamentos e iremos entregar ainda mais. E o que dá condições para isso são os bons resultados apresentados pela Seap, que ainda é modelo no país. E esse desempenho vem do esforço dos nossos servidores que dão respaldo para o nosso sucesso” afirma Wilson.

O investimento foi de R$ 7.346.249,52, provenientes do Fundo Estadual de Saúde, que é direcionado ao Sistema Prisional para manutenção de unidades prisionais hospitalares e aquisição de equipamentos para o setor. Os veículos de médio porte são adaptados para transporte de presos e possuem em seu interior macas retráteis, equipamentos e materiais de saúde. Outros benefícios serão a economicidade e eficiência, uma vez que as escoltas hospitalares serão simplificadas e custarão menos.

Para a subsecretária de Humanização do Atendimento, Emília Castilho, que também esteve presente na solenidade, a ação é de grande importância no processo de ressocialização.

“A entrega dessas ambulâncias é a prova da nossa preocupação em construir um sistema humanizado, que ao mesmo tempo traz melhores condições para os nossos servidores. O veículo é mais adequado, e atende tantos os funcionários da área de atendimento, como os funcionários da segurança. Eles irão respeitar todas as necessidades e destaca a nossa caminhada em busca de um Sistema Prisional mais humano e seguro para todos”, diz Emília.

A iniciativa faz parte do programa 208 da Seap, nomeado “Infraestrutura do Sistema Prisional”, que tem como objetivo garantir o conjunto de instalações, equipamentos e serviços adequados para as unidades prisionais.

Além disso, cumpre com a obrigatoriedade da prestação de atenção básica à saúde dos presos, atendendo às necessidades dos núcleos de saúde das unidades prisionais, e ao cumprimento da legislação em vigor. A ação foi conjunta e desde o início envolveu todas as subsecretarias da Seap: Segurança Prisional (Susep), Humanização Do Atendimento (Suhua) e de Gestão Administrativa, Logística e Tecnologia (Sulot).

Segue a lista de cidades e unidades prisionais contempladas:

Alfenas, Presídio de Alfenas, em Barbacena, Presídio de Barbacena, Hospital Psiquiátrico e Judiciário Jorge Vaz, em Belo Horizonte, Complexo Penitenciário Feminino Estevão Pinto, Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) Gameleira e Central de Comunicação e Rastreamento Veicular (Cecom), em Carmo do Paranaíba, Complexo Penitenciário Nossa Senhora do Carmo, em Contagem, Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Curvelo, Presídio de Curvelo, em Formiga, Penitenciária de Formiga, em Francisco Sá, Penitenciária de Francisco Sá, em Governador Valadares, Penitenciária Francisco Floriano de Paula e Presídio de Governador Valadares, em Ipaba, Penitenciária Dênio Moreira de Carvalho, em Juiz de Fora, Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) de Juiz de Fora, Central de Escolta de Juiz de Fora e Penitenciária Professor Ariosvaldo Campos Pires, em Montes Claros, Presídio de Montes Claros, em Muriaé, Penitenciária Doutor Manoel Martins Lisboa Júnior, em Pará de Minas, Complexo Penitenciário Doutor Pio Canedo, em Passos, Presídio de Passos, em Patrocínio, Penitenciária Deputado Expedito de Farias Tavares, em Ponte Nova, Complexo Penitenciário de Ponte Nova, em Pouso Alegre, Presídio de Pouso Alegre, em Ribeirão das Neves, Centro de Apoio Médico e Pericial, Presídio Antônio Dutra Ladeira, Presídio José Martinho Drumond, Penitenciária José Maria Alkimin e Complexo Penitenciário Público Privado, em São Joaquim de Bicas, Penitenciária Jason Soares Albergaria, Presídio de São Joaquim de Bicas I e Presídio de São Joaquim de Bicas II, em Sete Lagoas, Presídio Promotor José Costa, em Teófilo Otoni, Presídio de Teófilo Otoni, em Três Corações, Penitenciária de Três Corações, em Uberaba, Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira, em Uberlândia, Penitenciária Professor João Pimenta da Veiga, Presídio Professor Jacy de Assis, em Unaí, Penitenciária Agostinho de Oliveira Júnior, em Vespasiano Presídio de Vespasiano.

Com informações Governo de Minas Gerais

Nenhum comentário:

Postar um comentário