Sete pessoas morreram em acidente com dois carros na BR-267 em Cambuquira, MG - ALÔ ALÔ CIDADE

Sete pessoas morreram em acidente com dois carros na BR-267 em Cambuquira, MG

Compartilhar isso

Um carro aquaplanou na curva da rodovia e colidiu na lateral do outro que seguia sentido oposto da via.


Sete pessoas morreram na manhã desta segunda-feira (08/10) na rodovia na BR-267, rodovia Vital Brazil, próximo ao trevo de acesso da cidade de Cambuquira, MG, no KM-351.
Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o veículo Chevrolet Onix, de cor prata e placas de São Lourenço, MG e um Fiat Pálio verde, com placas de Andrelândia, MG, envolveram na batida. 
Ainda segundo os Bombeiros, o Fiat Pálio seguia sentido Varginha, com quatro pessoas, quando perdeu o controle direcional na curva após aquaplanar devido o alto volume de chuva no momento do acidente. Desgovernado, o veículo rodou, invadiu a contramão e bateu na lateral do veículo Onix.

Vídeo

Vários militares do Corpo de Bombeiros de Três Corações foram acionados. No local fizeram os socorros e desencarceraram as vitimas. O motorista do Onix, Luiz Cláudio de Fonseca, de 48 anos, morreu no local. As duas passageiras que estavam com ele, chegaram a ser socorridas em estado grave pelo Samu. O helicóptero Arcanjo do Corpo de Bombeiros de Varginha também esteve no local com três médicos. No entanto, as duas mulheres tiveram parada cardiorrespiratória e morreram durante o socorro. Elas foram identificadas como Maria Lúcia Fernandes, de 68 anos, e Terezinha Altino de Oliveira, de 54 anos.

No Palio, que teria provocado o acidente, segundo testemunhas, estavam quatro homens. Gean Carlos de Oliveira, Carlos Bruno Correia, Maxwell Tomaz Da Silva e Genueverton Antônio Da Silva Oliveira, todos eles morreram no local. Além de Andrelândia, as vítimas são de Bom Jardim de Minas, MG.

As vítimas do Pálio tinham acabado de ser contratado por uma empresa de telecomunicação. Eles seguiam viagem para um treinamento em Varginha. Segundo o marido da vítima que estava no Ónix, ela também iria para o primeiro dia de trabalho.

O Perito da Polícia Civil de Três Corações foi chamado pelos militares para os serviços de praxes. Ele isolou o local, bloqueou o trânsito para o registros de imagens, coletou materiais e vestígios que possam apontar, após exames, as causas do acidente. Os corpos foram liberam e foram levados ao Instituto Médico Legal (IML) de Três Corações, liberados para família para o sepultamento.


Nenhum comentário:

Postar um comentário