Polícia Civil prende autor de homicídio em bar de São Gonçalo do Sapucaí-MG - ALÔ ALÔ CIDADE

Publicidade

Polícia Civil prende autor de homicídio em bar de São Gonçalo do Sapucaí-MG

Compartilhar isso

O mandado de prisão foi cumprido, tendo o investigado prestado depoimento e assumido a autoria do crime. O conduzido foi encaminhado ao presídio de Pouso Alegre


Polícia Civil prende autor de homicídio em bar de São Gonçalo do Sapucaí-MG - Foto/reprodução: Alô Alô Cidade

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou, nesta quinta feira (19/5), a prisão do autor de homicídio ocorrido em São Gonçalo do Sapucaí, sul do estado.


O crime ocorreu no dia 8, deste mesmo mês, e de acordo com levantamentos foi motivado por questões passionais. O suspeito de 31 anos foi até o bar onde estava a vitima, Jackson Alberto Gouvea Silveira de 39 anos, e, após aguardar o momento oportuno, realizou quatro disparos de arma de fogo. O homem, sem oportunidade de defesa, evoluiu a óbito em seguida.

Vítima Jackson Alberto Gouvea Silveira - Foto: redes sociais


Após realizar diligências policiais, com o objetivo de identificar as circunstâncias do fato, foi apurado que a motivação envolvia ciúmes, de caráter passional e fútil, sendo representado junto ao Poder Judiciário pela prisão temporária do investigado. 

 

Nesta quinta-feira, o mandado de prisão foi cumprido, tendo o investigado prestado depoimento e assumido a autoria do crime. O conduzido foi encaminhado ao presídio de Pouso Alegre. Com a conclusão do Inquérito Policial, o indivíduo permanecerá recolhido à disposição da justiça.


ENTENDA O CASO


Um homem de 39 anos morreu na tarde deste domingo (08/05), após receber dois tiros em um bar, próximo ao antigo Aeroporto, no Bairro São João, em São Gonçalo do Sapucaí-MG.

Segundo informações da Polícia Militar, a equipe policial durante um patrulhamento foi informada por várias pessoas sobre uma pessoa baleada em um bar a o suspeito teria fugido logo depois do crime. Os militares deslocaram até o local do crime e depararam com a vítima ferida e caída no chão. O rapaz ferido foi colocado na carroceria de uma caminhonete e levado ao pronto socorro, pois o Samu estava empenhado e iria demorar. Durante o deslocamento para o hospital, a os Policiais foram na viatura acompanhando, abrindo caminho para um deslocamento ser mais ágil. Apesar dos esforços, a vítima deu entrada no hospital já em óbito de acordo com a equipe médica. 


Ainda de acordo com a Polícia Militar, o suspeito do crime foi identificando, tem 31 anos e de acordo com informações, ele era morador do Bairro Santa Cruz, em São Gonçalo do Sapucaí, mas agora reside em Pouso Alegre. A PM ainda buscou imagem de câmera de vigilância, sendo constatado que ele chegou, cometeu o crime e fugiu em um veículo VW Fox cor branca.


Ainda segundo a Polícia, a proprietária do Bar relatou aos militares que ouviu barulhos achando que eram fogos de artifícios. Que estava no balcão, viu o suspeito com a arma na mão saindo do banheiro e efetuando os disparos contra a vítima. Outra testemunha, um garçom, disse a PM que, a vítima teria pedido uma cerveja antes do crime, e assim que foi buscar ouviu os tiros, achando também que poderia ser bombinhas, mas logo em seguida a vítima caiu ao solo, sangrando muito. Após o crime, o suspeito evadiu imediatamente em um veiculo Vw Fox branco.

Publicidade



A Polícia Militar realizou contato com irmão da vítima e a ex-namorada do suspeito. O irmão da vítima disse para PM, que ele era uma pessoa muito querida na cidade e não tinha inimigos. Já a ex-companheira do suspeito, relatou que no ano de 2020, mais precisamente próximo ao natal, surgiu um comentário de um possível relacionamento dela com a vítima. Ela negou ter um caso amoroso com a vítima, que na época quando o suspeito ficou sabendo, no começo disse que não acreditava, mas em uma oportunidade chegou a relatar para ela que se fosse verdade mataria os dois.  Após este episódio de ameaça, o fato foi esquecido, não tendo novas discussões ou atritos, que ainda namorou o suspeito até mais ou menos o mês de novembro do ano de 2021, terminando o relacionamento por motivos distintos o qual não revelou.

Drogas encontradas na casa do suspeito foi apreendida pela PM - Foto: PMMG

Ainda de acordo com a PM, a ex-namorada do suspeito relatou que esteve no bar com familiares chegou por volta das 13:30h e saiu uns 20 minutos antes do crime, que somente cumprimentou a vítima de longe e que posteriormente, quando chegou em casa, foi comunicada pelo seu pai o ocorrido.


A Polícia Civil foi acionada, mas não foi possível realizar a perícia, pois o local do crime, não estava preservado.


Ainda de acordo com Polícia Militar, foi realizado o rastreamento do suspeito na cidade pelas guarnições de policia do turno, também repassadas informações e o veículo que ele fugiu para as cidades circunvizinhas, inclusive a Polícia de Pouso Alegre também deslocou até a casa onde mora, no Bairro Jardim Califórnia, porém só encontraram uma quantidade drogas que foi apreendida. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

Publicidade

Publicidade