Cães são devolvidos para agressor após serem chicoteados em Poços de Caldas - ALÔ ALÔ CIDADE

Cães são devolvidos para agressor após serem chicoteados em Poços de Caldas

Compartilhar isso

Delegada responsável pelo caso acredita que este seja episódio isolado.
Associação Protetora pede que animais sejam retirados de casal.

10/07/2015 20:21
Cães são devolvidos para agressor após serem chicoteados em Poços de Caldas - Foto/reprodução: EPTV

Os três cães vítimas de chicotadas foram devolvidos ao agressor nesta quinta-feira (9) no bairro Parque Pinheiros, em Poços de Caldas MG.  O caso revoltou representantes da Associação de Proteção aos Animais  (APA) e também moradores da cidade. Os animais apanharam do dono, um homem de 40 anos, que foi denunciado depois que um vídeo viralizou nas redes sociais. O agressor chegou a ser detido, mas foi liberado pela Polícia Civil.

O caso gerou muita comoção nas redes sociais. Um exemplo é o apresentador da TV Globo, André Marques, que se sensibilizou com a causa e publicou o conteúdo em seus perfis e questionou: “Até quando?”.

De acordo com a delegada Gisnéia Mirela Ramires, responsável pelo caso, este foi um episódio isolado. Segundo ela, o suspeito foi liberado por não existir uma situação de flagrante. Segundo ela, como a polícia não tinha mandado de busca e apreensão, os animais não poderiam ser retirados da casa. O agressor e a esposa dele foram ouvidos na delegacia e ele contou que usou um chicote feito de borracha para machucar os bichos em um momento de raiva, já que eles teriam pulado uma cerca e matado algumas galinhas que o casal mantém no quintal.

Ainda segundo a Polícia Civil, o casal foi orientado a levar os animais em um veterinário o mais rápido possível e a esposa do agressor assinou um termo de responsabilidade pelos cães. Os vizinhos do casal também foram orientados a entrar em contato com a Polícia Civil caso novos casos de maus-tratos aconteçam novamente.
Homem é flagrado agredindo cachorros com chicote em Poços de Caldas (Foto: Reprodução EPTV)


Já a representante da APA, Cristiane Prado, informou que vai continuar acompanhado o caso e que já solicitou intervenção do Ministério Público no caso. “Nosso advogado vai tentar retirar os bichos da casa dele, porque a delegada alega que foi só um momento, mas e para frente? Será que não serão registrados outros casos? É imperdoável o que aconteceu. O ser humano é dotado de inteligência, deveria saber que isso poderia acontecer”, relatou.

Vídeo:



___________________________________

Saiba mais


Leia mais no G1

Um comentário:

  1. Pelo amor de Deus, até quando vamos ver esse tipo de agressores impune. Essa delegada é uma burra e insensível, não foi ela quem levou as chicotadas. É um absurdo nos ficarmos nas mãos de policia conivente. Entregou porque quiseram entregar, se quisessem teriam direcionado a proteção de um tutor. Delegada burra! Parabéns para essa delegada, estudou tanto que ficou burra.

    ResponderExcluir