Criança morre após se assustar com explosão de caixas eletrônicos em Alpinópolis - ALÔ ALÔ CIDADE

CASA DOIS IRMÃOS

Criança morre após se assustar com explosão de caixas eletrônicos em Alpinópolis

Compartilhar isso

Uma Agência bancária da Caixa, foi assaltada neste sábado (31). Menina de 8 anos morava em frente e teve uma parada cardiorrespiratória.


31/10/2015 17:37
Criança morre após se assustar com explosão de caixas eletrônicos em Alpinópolis - Fotos/reprodução: EPTV

Uma criança de 8 anos morreu na madrugada deste sábado (31) em Alpinópolis (MG), após dar entrada no hospital da cidade com uma parada cardiorrespiratória. Segundo a Polícia Militar, o problema surgiu logo depois que a explosão de quatro caixas eletrônicos foi registrada na agência bancária que fica em frente à casa onde ela morava com a família.

A PM relata que cinco pessoas invadiram uma agência da Caixa Econômica Federal por volta das 3h. Depois de explodir os caixas, o grupo conseguiu fugir com o dinheiro, cuja quantia não foi revelada pela polícia.
"Eles atiraram durante a fuga e ainda não conseguimos localizá-los. Um dos veículos usados pelos suspeitos, um Corolla, foi encontrado em Guapé (MG)", disse o tenente da PM, Edmilson Luiz Pinheiro.

Assalto impediu família de prestar socorro
A família de Raíssa Maia Ramos relatou aos policiais que duas explosões foram ouvidas. Após a primeira, Raíssa teria pedido ajuda à mãe, porque não se sentia bem. Com a segunda explosão e os tiros, os pais da criança tiveram que esperar para prestar socorro à filha. Nesse meio tempo, a menina desmaiou.

Na Santa Casa de Alpinópolis, funcionários dizem que a menina chegou sem vida à unidade, apresentando uma parada cardiorrespiratória. Foram feitas tentativas para reanimá-la. Ainda não se sabe se a criança apresentava algum problema de saúde que possa ter desencadeado o mal estar.

Segundo o hospital, também não é possível afirmar que o susto com as explosões foi a causa da morte da criança. O corpo foi encaminhado para o IML da cidade e foi liberado no início da tarde.

O laudo do médico legista deve ficar pronto em até 30 dias. De acordo com o boletim médico entregue à funerária da cidade pela Santa Casa, a causa da morte de Raíssa ainda é indeterminada. O corpo da menina deve ser sepultado às 19h30 no Cemitério Municipal.

Vídeo







Fonte: G1

ANUNCIE AQUI!