Romeu Zema faz anúncio de investimentos para Minas e bate recorde histórico em atração de empresas para o estado - ALÔ ALÔ CIDADE

CASA DOIS IRMÃOS

Romeu Zema faz anúncio de investimentos para Minas e bate recorde histórico em atração de empresas para o estado

Compartilhar isso

Novo pacote soma R$ 14,7 bilhões, ampliando para R$ 55,9 bilhões o total de parcerias fechadas em 2019 pelo governo

O governador Romeu Zema anunciou nesta quarta-feira (18/12), na Cidade Administrativa, um pacote de protocolos de investimento para o Estado. Ao todo serão assinados R$ 14,7 bilhões em 18 novos acordos com empresas para investimentos em Minas Gerais nas áreas de indústria, mineração, energia, entre outras, o que dará ao Estado um recorde histórico.
Romeu Zema faz anúncio de investimentos para Minas e bate recorde histórico em atração de empresas para o estado - Foto: Gil Leonardi/Imprensa MG

Com o pacote desta quarta-feira, mediado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) e pela Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior (Indi), Minas Gerais totaliza R$ 55,9 bilhões em novos investimentos ao longo de 2019. Esse valor representa um recorde histórico no estado. Até 2018, o maior ano de investimentos atraídos para Minas Gerais foi 2010, quando foram anunciados R$ 52,5 bilhões de reais. O ano de 2019 é um marco, também, porque já totalizou o dobro de investimentos atraídos nos últimos quatro anos (2015 a 2019).
Romeu Zema faz anúncio de investimentos para Minas e bate recorde histórico em atração de empresas para o estado - Foto: Gil Leonardi/Imprensa MG

Durante a solenidade, Romeu Zema ressaltou a importância da geração de empregos para a economia mineira. “Quero agradecer a todos os envolvidos: Secretaria da Fazenda, Indi, Meio Ambiente. Estamos unidos para que Minas gere empregos. A geração de empregos é fundamental para tirarmos nosso Estado da situação em que ele está. O Brasil está passando por transformações enormes, momento de grandes mudanças. Vocês que estão investindo estão contribuindo muito para isso”, afirmou.
Romeu Zema faz anúncio de investimentos para Minas e bate recorde histórico em atração de empresas para o estado - Foto: Gil Leonardi/Imprensa MG

O governador reafirmou a necessidade de o Estado passar por reformas. “2019 foi ano que dedicamos nossos esforços a apagarmos incêndios e o que queremos construir começa em 2020 com ajuda da nossa Assembleia. Para Minas crescer e dar certo, precisamos mudar algumas leis: Reforma da Previdência dos Estados e municípios, reforma administrativa e a venda de ativos”, completou.

Anúncios
Entre os novos investimentos anunciados estão a implantação pela empresa Marluvas de um centro de distribuição para importação e comercialização de luvas em Campo Belo, no Sul de Minas, totalizando R$ 5,5 milhões em investimentos.

Representando a Marluvas, o empresário Denilton Silva falou em nome das 18 empresas que assinaram compromissos de investimento nesta quarta-feira. Ele enalteceu o esforço do Estado para tornar o ambiente mais favorável aos investidores. “Recebemos muito apoio tanto do Governo de Minas quanto do Indi, o que possibilitou nossos investimentos aqui no estado e nos permite ter um excelente nível de competitividade no mercado brasileiro. Conseguimos saltar de 1,4 mil funcionários, em 2010, para 3 mil, que é a expectativa para 2020. O nosso crescimento na produção foi de 238%. Investimos cerca de R$ 40 milhões no estado e geramos emprego e renda para pequenos municípios. Tudo porque acreditamos muito nas potencialidades de Minas Gerais”, afirmou.

Outro exemplo é o protocolo com a Santa Cruz Energia Ltda, que prevê a implantação de usinas geradoras de energia fotovoltaica, com o total de 1 GW de potência instalada. Ao todo, devem ser investidos R$ 2,2 bilhões com o novo projeto.

O setor que mais recebeu investimentos neste ano foi o de energias renováveis, principalmente em função da inovação regulatória e de políticas públicas, como a simplificação da tributação e de licenciamento ambiental para pequenas usinas fotovoltaicas, além do projeto “Sol de Minas”, da Sede. Outro motivo é a característica de Minas, que conta com altos níveis de irradiação solar aliado às temperaturas amenas, o custo das áreas destinadas à implantação dos projetos e à área de abrangência da concessionária de energia, que cobre quase todo o estado.

Em razão do grande interesse do setor privado em investir em energia fotovoltaica, a região Norte despontou esse ano como o maior destino de investimento atraídos: R$ 34,7 bilhões.

Meta
A meta de investimentos para o ano de 2020 é de 30 bilhões. Nos próximos três anos, o objetivo é atrair 105 bilhões, totalizando 150 bilhões de reais no quadriênio 2019-2022. A diversificação da matriz econômica, o início de operação dos investimentos anunciados e a consequente geração de empregos e renda são resultados já alcançados em 2019 e que serão ampliados nos próximos anos.
Também participaram da solenidade o secretário de Estado de Fazenda, Gustavo Barbosa; o diretor-presidente do Indi, Thiago Toscano; o defensor público-geral, Gério Patrocínio; o presidente em exercício da Fiemg, Emir Cadar; além dos deputados Arlen Santiago, Gil Pereira e Zé Reis.



Empresa: MARLUVAS
Implantação de centro de distribuição para importação e comercialização de
luvas em parceria com a empresa americana MCR Safety.
Investimento previsto: R$ 5.500.000,00
Faturamento pleno estimado: R$ 44.400.000,00
Geração de empregos permanentes diretos: 15
Município/Região: Campo Belo.

Empresa: PROMAFA PRODUTOS DE MANDIOCA FADEL LTDA
Instalação de uma filial agroindustrial e comercial na cidade de Santa Rita do
Sapucaí, para incrementar a produção e venda de produtos derivados de
mandioca para uso alimentício e para atender à demanda das empresas
processadoras de minérios.
Investimento previsto: R$ 43.330.000,00
Faturamento previsto: R$ 36.680.000,00 para o ano de 2020; R$
48.960.000,00 para o ano de 2021, e R$ 79.145.000,00 do ano 2022 em diante
Empregos diretos gerados: 220 empregos diretos;
Local do empreendimento: Santa Rita do Sapucaí/Sul de Minas.

Empresa: UNIÃO QUÍMICA FARMACÊUTICA NACIONAL S/A
Expansão da Unidade de Produção e Comercialização em Pouso Alegre. A
empresa assinou Protocolo de Intenções com o Estado em 2012 e os
investimentos realizados até 2019 superaram o previsto em quase dez vezes.
Com isso a unidade possui atualmente uma área total de aproximadamente 23
mil m² com cerca de 20 mil m² de área construída e equipe de mais de 1,2 mil
colaboradores.
2º Termo Aditivo com atualização dos dados do Projeto e do Tratamento
Tributário estão em fase final de elaboração e assinatura.
Investimento Total (2012 a 2019): R$ 92 milhões
Faturamento (2018): R$ 1.279.869.557,00
Empregos Permanentes: 1.074 empregos diretos.

Empresa: ARTHI
Transferência de centro de distribuição destinado a comercialização de produtos
de artefatos para uso pessoal e doméstico de plástico e metal da empresa
ARTHI.
Investimento previsto: R$ 7.800.000,00
Faturamento pleno estimado: R$ 139 milhões
Geração de empregos permanentes diretos: 70
Município/Região: Extrema.

Empresa: DASPLAST
Implantação de indústria e comércio atacadista de utilidades domésticas,
contando com um parque industrial e centro de distribuição de aproximadamente
4 mil metros quadrados e empregando cerca de 20 pessoas. As instalações
serão edificadas em terreno adquirido por empresa do grupo (ARTHI) e alugado
pela Dasplast.
Faturamento pleno estimado: R$ 6,6 milhões
Geração de empregos permanentes diretos: 30
Município/Região: Extrema.

Empresa: M.E Gonçalves Indústrias de Móveis
Implantação de uma fábrica, centro de distribuição e unidade de e-commerce no
município de Extrema, de móveis da linha infanto-juvenil.
Investimento previsto: Investimento total de R$ 14.255.000,00, dos quais R$
4.605.000,00 são investimentos em máquinas, equipamentos, terrenos e obras
civis e R$ 9.650.000,00 são investimentos em capital de giro e outros
investimentos.
Faturamento estimado: 18 milhões para o ano de 2020; 21 milhões para o ano
de 2021 e 24 milhões do ano 2021 em diante
Geração de empregos permanentes diretos: 52
Município: Extrema

Empresa: LEGGETT & PLATT
Expansão da fábrica de molas de colchões em Camanducaia e da unidade de
importação e comercialização de mecanismos reclináveis em Cambuí.
Investimento previsto: Investimento total de R$ 9.116.716,00, dos quais R$
7.314.420,00 são investimentos em máquinas, equipamentos, terrenos e obras
civis e R$ 1.802.296,00 são investimentos em capital de giro e outros
investimentos.
Faturamento estimado: 19,3 milhões para o ano de 2020; 19,9 milhões para o
ano de 2021 e 21,2 milhões do ano 2021 em diante
Geração de empregos permanentes diretos: 44
Município: Camanducaia e Cambuí.

Empresa: CEMIG DISTRIBUIÇÃO E CEMIG GERAÇÃO E TRANSMISSÃO
Investimentos de reforço e melhoria, infraestrutura, operação e manutenção do
sistema elétrico
Investimento previsto: R$ 8,3 bilhões
Local: diversos

Empresa: SANTA CRUZ ENERGIA LTDA
Implantação de usinas geradoras de energia fotovoltaica, com o total de 1 GW
de potencia instalada, em 3 fases: a 1ª com 200 MW, a 2ª com mais 200 MW, e
a 3ª com 600 MW.
Geração de Energia: 1 GW
Investimento total previsto: R$ 2,253 bilhões;
Faturamento previsto: R$ 50 milhões em 2022 e 120 milhões a partir de 2027;
Empregos gerados: 1.250 empregos diretos durante a fase de construção e 55
permanentes após o início de operação;
Cronograma previsto: Início de implantação para março de 2021 e de operação
para março de 2025.

Empresa: USIMINAS MECÂNICA S.A
O Projeto envolve a aquisição de célula robotizada e modernização da planta.
Investimento: R$ 11.539.773,00
Faturamento Estimado: R$ 4.900.000,00 a partir de 2019.
Geração de Empregos Permanentes: 65 empregos diretos permanentes
Localização: Ipatinga

Empresa: TAQUARIL MINERAÇÃO S.A
Projeto novo de mineração de minério de ferro nos municípios de Nova Lima e
Sabará. O projeto está dividido nas fases I e II. A primeira fase consiste na lavra
do minério de alto teor (hematítico) com beneficiamento a seco. Na segunda
haverá a lavra do minério de menor teor (Itabirito friável), filtragem e disposição
a seco, sem a utilização de barragem de rejeitos.
Investimento: R$ 559.000.000,00
Faturamento Estimado: R$ 600.000.000,00 a partir de 2022.
Geração de Empregos Permanentes: 500 empregos diretos
Início de Implantação: 2020
Início de Operação: 2021

Empresa: JMN MINERAÇÃO LTDA.
Dois projetos: Mina do Baú, localizada nos municípios de Santa Bárbara e Barão
de Cocais, que prevê a exploração de 1,2 Mtpa de minério de ferro a seco. O
Projeto II refere-se à Mina Morro dos Coelhos, Fase II, localizada nos municípios
de Desterro de Entre Rios e Piracema, que tem por objetivo a implantação das
instalações de beneficiamento a úmido que possibilitarão o aumento de
produção para a ordem de 3.440.000 ton/ano.
Investimento: R$ 292.085.293,61
Faturamento estimado: R$ 500 milhões
Geração de Empregos Permanentes: 344 empregos diretos
Início de implantação: agosto/2020 (projeto I) / dezembro/2019 (projeto II)
Início de operação: dezembro/2020 (projeto 1) / dezembro/2019 (projeto II)

Empresa: VALLOUREC MINERAÇÃO LTDA.
Trata-se de expansão da capacidade de produção da Mina Pau Branco e
compreende, substancialmente, a instalação de uma planta de beneficiamento
de minério de ferro, adicionando 3,6 Mt à capacidade anual de produção (que
atualmente é cerca de 5,0 Mt/ano). O projeto da planta prevê o beneficiamento

a partir de minério mais pobre ( com teor de >30% <45 br="" fato="" fe="" permitir="" que=""> o aproveitamento de material que hoje é disposto na pilha de co-disposição de
<45 br="" fato="" fe="" permitir="" que="">
estéril e rejeitos.
Investimento previsto: R$ 220.000.000,00 até 2022.
Faturamento previsto: R$ 280.000.000,00 a partir de 2022.
Empregos diretos: 90 empregos diretos
Cronograma: Início do projeto ocorrido em junho de 2018 e término do projeto
previsto para janeiro de 2022



<45 br="" fato="" fe="" permitir="" que="">
Empresa: VALE S/A – PROJETOS DO SISTEMA DE DISPOSIÇÃO DE
REJEITOS PARA A MINA BRUCUTU e SONDAGEM
Mina de Brucutu
A mina de Brucutu é a maior operação da Vale S/A em Minas Gerais, gerando
aproximadamente 29 milhões de toneladas de minérios/ano, e está localizado no
município de São Gonçalo do Rio Abaixo.
Investimento: R$ 1.248.060.000,00
Faturamento Estimado: R$ 5.527.776.000,00 a partir de 2023.
Início de Operação: 2023
Sondagem
Os projetos buscam agregar informações geológicas para definição do potencial
de formação ferrífera, a atualização do modelo geológico e avaliação do
potencial de extração de ferro nos projetos de pesquisa de Almas Norte/Casa
Velhas, Jacutinga e Morro da Adriana.
Investimento: R$ 99.840.000,00
Início de Operação: 2023
Localização: Santa Bárbara, Ouro Preto e Mariana



<45 br="" fato="" fe="" permitir="" que="">
Empresa: AMG MINERAÇÃO S.A.
O objetivo é viabilizar a implantação de uma unidade de beneficiamento de
Espodumênio SP1; produção de ligas de Estanho; concentrado de Tântalo e
Feldspato e da Planta Química para produção de Lítio, nos municípios de
Nazareno e São Tiago.
Investimento: R$ 838.929.322,00
Faturamento Estimado: R$ 251.000.000,00 a partir de 2021.
Geração de Empregos Permanentes: 220 empregos diretos permanentes
Início de Implantação planta Química: 2021
Início de Operação Planta Química: 2023



<45 br="" fato="" fe="" permitir="" que="">
Empresa: MINERAÇÃO USIMINAS
O projeto de investimento contempla a instalação do sistema filtragem de rejeito
e seu empilhamento a seco, representando a migração da Mineração Usiminas
para um sistema de disposição de rejeitos mais seguro e sustentável.
Investimento: R$ 162.000.000,00
Faturamento: 1.227.958.489,00
Geração de Empregos Permanentes: 100 empregos diretos permanentes
Início de Implantação: 2020
Início de Operação: 2020
Localização: Itatiaiuçu



<45 br="" fato="" fe="" permitir="" que="">
Empresa: MINERAÇÃO FAZENDA BORGES LTDA
Empreendimento voltado para extração e beneficiamento de calcário e produção
de cal para atendimento das empresas de siderurgia e o segmento de construção
civil.
Investimento previsto: R$ 385 milhões até 2020
Faturamento previsto: R$ 200 milhões a partir de 2021.
Empregos diretos: 470 empregos diretos
Cronograma: Início de implantação previsto para 2019 e operação previsto para
2020.

Empresa: ACG
Implantação de unidade industrial em Minas para fabricação de cápsulas para
medicamentos.
Investimento previsto: 150.000.000,00
Empregos diretos: 182
Localização: Pouso Alegre

ANUNCIE AQUI!